Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Blog do Nicola
Publicidade

Renovação do Corinthians com Carlos Miguel emperra e causa preocupação

Multa do goleiro para o mercado estrangeiro cairá para apenas 4 milhões de euros; Carlos Miguel quer salário compatível ao seu status

Blog do Nicola|Jorge NicolaOpens in new window

Se não renovar... Carlos Miguel ganha R$ 250 mil mensais e exige valores bem maiores

O presidente do Corinthians, Augusto Melo, ganhou mais uma dor de cabeça: a renovação do contrato do goleiro Carlos Miguel. A reunião na semana passada não foi suficiente para clube e atleta chegarem a um acordo para a extensão do vínculo. E a preocupação alvinegra nem é com o prazo (dezembro de 2025), mas a multa rescisória para o mercado estrangeiro, que cai para apenas 4 milhões de euros ou R$ 22,5 milhões a partir de janeiro.

Com uma observação importante: a antiga gestão, de Duílio Monteiro Alves, foi a responsável pelo contrato que prevê multa de 50 milhões de euros até o fim de 2024.

A saída de Cássio para o Cruzeiro antes da renovação de Carlos Miguel se tornou outro problema. É que o status do goleiro de 25 anos mudou radicalmente e, agora, ele quer ser remunerado como um goleiro titular absoluto do Corinthians.

O blog apurou que Carlos Miguel ganha na casa dos R$ 250 mil mensais e exige um salário bem maior. Antigo titular, Cássio tinha direito a R$ 800 mil por mês.

O fato de Carlos Miguel ser jovem e extremamente promissor causa o temor de ofertas da Europa em julho. Se o goleiro não tiver renovado até lá, a diretoria alvinegra certamente se colocará numa encruzilhada.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.