Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Blog do Nicola
Publicidade

Idolatrada e bem-sucedida, Walewska sofria com depressão; polícia investiga a morte

Ex-jogadora da seleção brasileira de vôlei, que sofria com depressão, morreu, aos 43 anos, após queda do 17º andar 

Blog do Nicola|Do R7 e Jorge Nicola


Idolatrada pela comunidade do vôlei, bem-sucedida financeiramente, cheia de projetos fora das quadras... Apesar de tudo isso, Walewska Oliveira morreu na noite desta quinta-feira e uma das linhas de investigação da polícia é o suicídio. A ex-jogadora, de apenas 43 anos, que sofria com depressão, caiu do 17º andar e faleceu na varanda do 1º andar do prédio, na região dos Jardins, em São Paulo.

O boletim de ocorrência foi registrado no 78º Distrito Policial às 18h09 desta quinta-feira, com comunicação às 20h19. A responsável pelo prédio em que Walewska morava relatou que paramédicos tentaram reanimá-la, mas constataram o óbito no local.

Walewska estava sozinha na área de lazer do seu edifício, no 17º andar, desde 16h50. O local possui câmeras no corredor e apenas moradores usando a biometria facial têm acesso a ele. A polícia encontrou uma carta, em folha sulfite, que seria de despedida. Também de acordo com a investigação, ela chegou à área de lazer do prédio com uma garrafa de vinho.

Nascida em Belo Horizonte, Walewska foi campeã olímpica em Pequim, em 2008, e medalha de bronze nos Jogos de Sydney, em 2000. A meio de rede ainda conquistou três títulos do Grand Prix em 2004, 2006 e 2008, um da Copa dos Campeões em 2013 e um dos Jogos Pan-Americanos em 1999.

Morte de Waleska: quem era a campeã olímpica de vôlei pela seleção que morreu aos 43 anos

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.