Blog do Nicola Corinthians avança em venda de Moscardo para o... PSG

Corinthians avança em venda de Moscardo para o... PSG

Clube de Mbappé programa viagem de diretor ao Brasil para bater o martelo pelo volante de 18 anos 

Corinthians tem 80% dos direitos de Moscardo, que disputou 23 jogos como profissional no ano

Corinthians tem 80% dos direitos de Moscardo, que disputou 23 jogos como profissional no ano

Josiane Ribeiro / Agência Corinthians

Gabriel Moscardo tem grande chance de ser vendido ainda em 2023, como revelou Neto em seu programa na TV Bandeirantes. Porém, o blog verificou que o clube favorito para contratar o volante do Corinthians é o PSG, e não o Chelsea. Uma fonte alvinegra confidenciou, inclusive, que o diretor esportivo do PSG, Luís Campos, tem viagem marcada a São Paulo nos próximos dias, para fechar o negócio.

O Corinthians sonhava com aproximadamente 25 milhões de euros (R$ 134 milhões). O martelo deve ser batido por cifras um pouco inferiores, até por causa da queda de produção de Moscardo nas últimas semanas — o jovem, de 18 anos, nem saiu do banco na derrota por 5 a 1 para o Bahia, na sexta-feira (24).

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu Whatsapp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

O principal concorrente do PSG é o Barcelona, mas falta dinheiro ao clube espanhol. Já o Chelsea contratou recentemente quatro jogadores para a mesma posição de Moscardo. São eles o brasileiro Andrey Santos, o argentino Enzo Fernandez, o equatoriano Moises Caicedo e o belga Romeo Lavia.

Presidente do Corinthians até 1º de janeiro, Duilio Monteiro Alves tem pressa em fechar a venda de Moscardo. Dessa maneira, ainda que não consiga usar o dinheiro, poderá se orgulhar de superar R$ 1 bilhão de arrecadação na temporada, além de fechar 2023 com enorme superávit — apesar da falta de títulos.

Veja as possibilidades de rebaixamento no Brasileiro

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas