Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Blog do Fabiano Farah
Publicidade

Corinthians consegue suspender ação do empresário de Cássio e saída do goleiro é discutida

Carlos Leite cobra R$ 60 milhões do clube, mas, documento assinado por ex-dirigentes será reavaliado na Justiça

Blog do Fabiano Farah|Fabiano FarahOpens in new window

Cássio está de saída do Corinthians para o Cruzeiro (Rodrigo Coca/Agência Corinthians — 27.03.2024)

A atual diretoria do Corinthians suspendeu a ação do empresário Carlos Leite. Ele é responsável por administrar a carreira de Cássio e cobrava uma dívida de R$ 60 milhões do clube.

Pelo que esta coluna apurou, Carlos Leite entrou com ação contra o time por uma confissão de dívida da antiga diretoria. O título desta dívida, assinado pelo ex-presidente Duílio Monteiro Alves, será rediscutido na Justiça.

A ação, que estava em processo de execução, com bloqueio das contas bancárias do Timão, agora se tornou uma ação ordinária, ou seja, a Justiça vai analisar se a confissão de dívida assinada pelo ex-cartola do Corinthians tem validade.

Esta coluna apurou também que Carlos Leite é um dos maiores entusiastas da saída de Cássio do Corinthians.

Publicidade

O Timão tem cerca de R$ 8 milhões a pagar para o goleiro, pelo restante do contrato, valor, que, pelo que apuramos, será encarado como multa rescisória.

Nos bastidores do Parque São Jorge se ouve que Cássio quer ir embora hoje!

Publicidade

Mesmo com a janela para contratações e inscrições fechada, Cássio “não quer ficar nem mais um minuto no clube, não quer mais treinar e quer liberação imediata”.

Os atuais dirigentes esgotaram as possibilidades com relação a Cássio.

Publicidade

Nós apuramos que Cássio não quis se reunir com o presidente Augusto Melo.

Transferiu esta responsabilidade para Carlos Leite.

O goleiro de 36 anos recebeu proposta para seguir no Corinthians por mais duas temporadas, com aumento salarial e plano de carreira após o fim das atividades profissionais.

Cássio recusou e disse que quer jogar no Cruzeiro!

Há quem diga que existe atuação política na decisão do goleiro.

A atual diretoria não quer liberar o atleta, mas, entende que jogador insatisfeito pode “contaminar” o elenco, que vem reagindo nas competições nacionais e continentais.

Um “tiro” saiu pela “culatra”: O Corinthians tem uma dívida por premiação com Cássio que não ultrapassa os 10% do valor total do contrato do goleiro, que vence no fim deste ano.

Sem ter como “barganhar” por causa da dívida cobrada na Justiça, Carlos Leite ouviu da diretoria do Corinthians que é possível a liberação do jogador, desde que ele perdoe essa dívida.

Também ouviu que o Timão pretende ganhar mais dinheiro por Cássio. E avisou que pode cobrar do Cruzeiro a multa rescisória e até denunciar o clube mineiro por assédio na CBF e FIFA.

Cássio quer ir embora hoje!

O Corinthians não quer ficar na mão!

O fim desta novela?

Estamos de olho!

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.