Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Números provam que Corinthians é dependente de Renato Augusto, seu maestro

Algo impensável há poucos meses, o Corinthians está há 11 jogos invicto na temporada. O time amadureceu, contratou jogadores, perdeu...

|Do R7


Algo impensável há poucos meses, o Corinthians está há 11 jogos invicto na temporada. O time amadureceu, contratou jogadores, perdeu um de seus craques, Róger Guedes, se reorganizou, mas algo não mudou: a dependência do talento de Renato Augusto, maestro da equipe e um dos principais jogadores do País.

Há sempre incertezas quanto ao rendimento de alguns atletas comandados por Luxemburgo, mas nunca sobre Renato Augusto. Quando está saudável, o camisa 8 lembra que é diferente dos demais e que é capaz de desequilibrar. Prova importante disso foram os dois gols sobre o São Paulo que deixaram o Corinthians em vantagem para decidir nesta quarta-feira, no Morumbi, a vaga à final da Copa do Brasil pelo empate.

Ainda que tenha jogadores talentosos, como Matias Rojas, de quem se espera muito, o Corinthians é, e deve continuar sendo, dependente de Renato Augusto. Segundo Vanderlei Luxemburgo, é algo inevitável e positivo também. "Renato Augusto-dependência não é ruim, é boa (risos), mas ele não vai ser eterno", reconheceu o veterano treinador no início de seu trabalho no Parque São Jorge.

Há duas semanas, Luxemburgo viu Renato Augusto botar a bola embaixo do braço e decidir um jogo difícil contra o São Paulo no momento em que o rival estava melhor em campo. Depois da partida, resumiu seu principal atleta como um "jogador diferente". "Um jogador como o Renato você não tira do jogo", lembrou ele, dando para si o crédito de ter deixado o atleta, mesmo cansado, até o fim da partida e colher os frutos disso.

Publicidade

"Ele pode estar de bengalinha, você deixa no jogo, de repente ele decide para você. Deixa o cara dentro do jogo, daqui a pouco ele pega uma bola e decide a partida", havia justificado o técnico. Renato tem 35 anos.

Os números mostram que Renato Augusto, de fato, é decisivo e que passou a ser ainda mais em 2023. Nesta temporada, ele já marcou os mesmos cinco gols do ano passado, mas precisou de muito menos jogos ao alcançar a marca em 21 partidas. Em 2022, conseguiu o feito em 42 jogos. Além disso, na atual temporada, contribuiu com seis assistências, duas a mais do que deu no ano passado.

Publicidade

Neste ano, o Corinthians teve Renato Augusto em 24 partidas, mesmo número de duelos que ele não jogou. O desempenho cresce consideravelmente quando o meio-campista está em campo. Veja a comparação:

Corinthians com Renato Augusto em 2023

Publicidade

24 jogos

15 vitórias

7 empates

2 derrotas

72,2% de aproveitamento.

Corinthians sem Renato Augusto em 2023

24 Jogos

6 vitórias

5 empates

13 derrotas

31,9% de aproveitamento.

Aos 35 anos, Renato Augusto convive com problemas físicos desde que retornou ao futebol brasileiro, em 2021. Para tê-lo em boas condições, Luxemburgo preserva o atleta em alguns jogos e lhe tira de campo antes dos 90 minutos em outras partidas. O jogador não atuou, por exemplo, nos dois duelos das oitavas de final da sul-americana.

"Minha carreira toda foi assim. Passei por muitas dificuldades e sempre consegui juntar forças, me reerguer e passar por cima de todas as dificuldades. Vai ser assim até o final", previu o meio-campista.

Renato Augusto tem contrato com o Corinthians até o fim deste ano. O meia soma 217 jogos com a camisa corintiana, com 27 gols e três títulos: Brasileirão (2015), Paulista (2013) e Recopa (2013). Revelado nas categorias de base do Flamengo, também acumula passagens pelo Bayer Leverkusen (ALE) e Beijing Guoan (CHI). Foi medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016, e fez parte do elenco da seleção que disputou a Copa do Mundo da Rússia.

Ele contou ter vivido uma "noite mágica" na Neo Química Arena diante do São Paulo. Sua expectativa é que isso se repita no Morumbi.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.