Esportes Michael Jordan compartilha última troca de mensagens que teve com Kobe Bryant

Michael Jordan compartilha última troca de mensagens que teve com Kobe Bryant

Astro do Los Angeles Lakers e na NBA, que morreu em janeiro do ano passado, Kobe Bryant será nomeado para o Hall da Fama do basquete neste fim de semana, entre os dias 14 e 16. Também ídolo do basquete mundial, Michael Jordan será uma das pessoas que participarão do discurso em homenagem ao "Black Mamba".

Considerado por ele como um irmão mais novo, Jordan compartilhou em uma entrevista à ESPN americana a última troca de mensagens que teve com Kobe, em dezembro de 2019, 49 dias antes de Bryant, sua filha de 13 anos, Gianna, e sete outras pessoas morrerem em um acidente de helicóptero perto de Los Angeles, na Califórnia.

"Esta tequila é incrível", escreveu Kobe, referindo-se à uma tequila produzida por Jordan, uma garrafa da qual foi enviada a Bryant no lançamento. "Obrigado, meu irmão", Jordan respondeu. "Sim, senhor. E a família, como está?" disse Kobe. "Tudo bem. E a sua?" "Tudo bom".

Na entrevista, Jordan sorriu e, então, decidiu se divertir um pouco. "Ele estava realmente treinando a Gigi", explica o ex-jogador do Chicago Bulls. "Então eu falei com ele sobre isso".

"Boas festas!", Jordan mandou de volta. "E espero conversar em breve. Treinador Kobe??" "Eu adicionei aquele pequeno emoji de chorar/rir", disse Jordan, sorrindo. "Ah, de volta para você, cara", escreveu Kobe. "Ei, treinador, estou sentado no banco agora e estamos massacrando esse time. 45-8". "Eu adoro esse texto, porque mostra a natureza competitiva de Kobe", acrescentou Jordan.

A classe de 2020 do Hall da Fama do basquete também incluirá nomes como Kevin Garnett, que atuou por Minnesota Timberwolves e Boston Celtics, e Tim Duncan, astro do San Antonio Spurs.

Últimas