Esportes Messi é apresentado à torcida do PSG e ovacionado no Parque dos Príncopes

Messi é apresentado à torcida do PSG e ovacionado no Parque dos Príncopes

Antes de enfrentar o Strasbourg, o Paris Saint-Germain apresentou à torcida os seus cinco reforços para a temporada. E isso inclui, claro, o astro Lionel Messi. O argentino foi ovacionado pelos torcedores no Parque dos Príncipes, em Paris, minutos antes de a bola rolar no duelo da segunda rodada do Campeonato Francês.

"Foi uma semana muito especial para mim, quero agradecer a toda essa gente. Tenho muita gana de ganhar. Quero desfrutar desse ano e que seja um grande ano para nós", disse o craque argentino em seu breve discurso para os cerca de 50 mil fãs presentes no estádio.

O Parque dos Príncipes contou com lotação máxima, assim como acontecerá nos jogos outros do clube na temporada. Para entrar, os torcedores têm de apresentar o passaporte sanitário em que conste a vacinação contra a covid-19, além de teste negativo.

Além de Messi, também foram apresentados aos torcedores o goleiro italiano Donnarumma, o zagueiro espanhol Sergio Ramos, o lateral marroquino Achraf Hakimi e o meio-campista holandês Georginio Wijnaldum. Todos os reforços ainda não estrearam pelo novo clube. Eles tiveram contato com os torcedores cerca de 40 minutos antes do pontapé inicial.

Messi assistiu do camarote do Parque dos Príncipes ao segundo compromisso do PSG no Francês ao lado de Neymar, que também não foi relacionado para a partida. O astro argentino, que usará a camisa 30 na equipe parisiense, ainda não tem data para estrear. Ele estava de férias até o início da semana e a última partida de que participou foi há mais de um mês, a final da Copa América vencida pela Argentina contra o Brasil.

"Acho que vou ter que fazer uma pré-temporada sozinho, treinar para poder jogar. Espero que seja o quanto antes, mas não posso te dar uma data. Não é uma decisão que não é minha. Mas a vontade existe", resumiu Messi.

O vínculo de Messi com o clube francês é de duas temporadas, tendo a opção de renovar por mais uma temporada, até o meio de 2024. Seu salário rondaria os 35 milhões de euros (cerca de R$ 214 milhões na cotação atual) líquidos por temporada, com bônus incluídos - isso o deixaria no nível dos vencimentos de Neymar no elenco. Messi vai utilizar o número 30, que faz parte de sua história no começo da passagem vitoriosa pelo Barcelona.

Últimas