Mazzuco admite má fase do Vasco e busca reforços e novo treinador

O diretor executivo de futebol do Vasco, André Mazzuco, sabe que a classificação para a segunda fase da Copa Sul-Americana, a derrota para o Goiás no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil e a campanha pífia no Campeonato Carioca tornam a campanha do Vasco em 2020 muito fraca. Em entrevista à Vasco TV, nesta quinta-feira, o dirigente admitiu a má fase e revelou planos para trazer reforços e, é claro, um substituto para Abel Braga.

"Naturalmente não estamos satisfeitos com os resultados. Independentemente da classificação na Sul-Americana e o jogo de volta da Copa do Brasil, nossa ideia era já estar em outro momento. Apresentando um melhor futebol, uma evolução", afirmou Mazzuco. "Chega um momento que precisamos mostrar alguma coisa. O torcedor espera, não só o resultado em si, mas um bom futebol."

O dirigente vascaíno elogiou a postura de Abel, a quem considera uma pessoa "sensacional, mas considerou frustrante seu trabalho diante da equipe. Agora, o clube procura um novo treinador. "É um momento de calma. Precisamos de um perfil que entenda o Vasco, o tamanho do clube, a importância e responsabilidade de estar aqui."

Mas Mazzuco reconhece que o problema não está apenas na troca da direção do time. "Não é só a mudança de comando que vai trazer algo diferente. Queremos, dentro da nossa possibilidade, reforçar a equipe, trazer novas opções e buscar atletas que possam agregar. Essa parada (por causa do coronavírus), nesse ponto, pode facilitar essa busca."