Esportes Marcos Guilherme comemora 'dia histórico' ao desencantar e dar vitória ao Santos

Marcos Guilherme comemora 'dia histórico' ao desencantar e dar vitória ao Santos

A fácil classificação do Santos às oitavas de final da Copa do Brasil teve um peso muito grande para o meia-atacante Marcos Guilherme. O seu primeiro gol com a camisa do Santos garantiu a vitória sobre o Cianorte, por 1 a 0, na Vila Belmiro, e o deixou extremamente feliz.

"Um dia histórico para mim", afirmou Marcos Guilherme, sem esconder a emoção. "É uma honra fazer um gol aqui, onde vários craques jogaram", seguiu, lembrando que a Vila Belmiro foi o principal palco da carreira do rei Pelé e ainda contou com muitos jogadores de alto quilate vestindo a camisa santista.

Contratado a pedido de Fernando Diniz, Marcos Guilherme sabia que precisava de um gol para evitar pressão desnecessária neste início de jornada com a camisa do Santos. Em seu quarto jogo, desencantou e correu para festejar com o treinador.

"Eu vim comemorar com o Diniz por toda confiança que ele tem no meu futebol. É a primeira vez que conseguimos trabalhar juntos, e tenho somente gratidão", justificou o jogador, que pede para atuar na beirada de campo, como nesta terça-feira, mas o técnico estuda efetivá-lo na armação.

Outro santista feliz era o zagueiro Luiz Felipe, titular pelo terceiro jogo seguido e com 100% de aproveitamento. Desde que entrou, o time ganhou todas. As duas diante do Cianorte e contra o Ceará pelo Brasileirão. Ele prefere dividir o mérito com os companheiros.

"Essa boa sequência não tem a ver só comigo, mas com todo o grupo. O professor Diniz chegou mostrando o trabalho dele e a gente está se dedicando ao máximo para seguir embalado com essas vitórias", disse. O Santos volta a campo contra o Juventude, no sábado, e Alison, que deixou o jogo machucado, é a única dúvida.

Últimas