Esportes Mancini celebra vaga sofrida da Itália na final da Euro que 'ninguém acreditava'

Mancini celebra vaga sofrida da Itália na final da Euro que 'ninguém acreditava'

Roberto Mancini não conseguiu segurar a euforia após levar a Itália para a final da Eurocopa. Bastante entusiasmado, o treinador elogiou bastante seus jogadores após a vaga garantida nos pênaltis diante da Espanha, nesta terça-feira, e admitiu que classificação foi "bastante sofrida" e que "ninguém acreditava".

Depois de sair na frente do marcador, a Itália passou aperto com o crescimento espanhol na partida disputada no estádio de Wembley, em Londres, cedeu o empate, e teve de encarar desgastante prorrogação antes de triunfar em tensos pênaltis, nos quais saiu em desvantagem até festejar os 4 a 2.

"Estamos muito felizes. Agradeço aos jogadores porque eles sempre acreditaram, num jogo muito exigente", afirmou Mancini. "É assim que os pênaltis são... Foi um jogo muito difícil, porque na posse de bola a Espanha é a melhor equipe do mundo e jogou muito bem. Sofremos com a posse da Espanha, mas fomos para a final."

O técnico reconheceu que sua equipe não repetiu as apresentações anteriores, admitiu cansaço com jogos e viagens, mas valorizou toda a superação apresentada. "Os times de futebol atacam e defendem, não há times que só atacam. Tivemos a chance de fazer outros gols, foi aberto entre dois grandes times", analisou Mancini, descartando o rótulo de herói.

"O crédito vai para os jogadores primeiro, que acreditaram (no trabalho) nestes três anos. Mas não terminamos, temos de recuperar as forças perdidas esta noite para a final de domingo." A decisão, novamente em Wembley, será com o vencedor de Inglaterra x Dinamarca, que se enfrentam nesta quarta-feira.

Por fim, Mancini fez um desabafo sobre a desconfiança depositada sobre sua seleção. "Quase ninguém pensou que íamos conseguir", desabafou. "Gostaria de dar os parabéns à Espanha porque foi um grande time."

Últimas