Esportes Mais rápido, Hamilton larga em 11.º na Turquia com punição; Bottas é o pole

Mais rápido, Hamilton larga em 11.º na Turquia com punição; Bottas é o pole

A chuva em Istambul veio só para assustar no treino oficial de classificação. Apesar de presente nos primeiros minutos do Q1, não afetou em nada o andamento da sessão que definiu o grid de largada para o GP da Turquia, a 16.ª etapa da temporada 2021 da Fórmula 1. A Mercedes confirmou o domínio e conquistou a pole. O inglês Lewis Hamilton foi o mais rápido e, com direito a recorde da pista, cravou 1min22s868 neste sábado. Mas o heptacampeão mundial vai perder 10 posições no grid em razão da punição por troca de componente de motor e, desta forma, largará em 11.º. O finlandês Valtteri Bottas, o segundo colocado com 1min22s998, vai alinhar o seu carro na pole deste domingo.

Rival direto de Hamilton na luta pelo título, o holandês Max Verstappen ficou longe do poderio da Mercedes até agora no fim de semana, mas obteve o terceiro tempo no treino oficial de classificação com 1min23s196, que lhe valeu o segundo lugar no grid da corrida. O piloto da Red Bull vai partir lado a lado com Bottas, enquanto que o heptacampeão mundial vai ter de remar para alcançar os ponteiros ao longo da disputa.

O monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, confirmou o bom desempenho obtido nos treinos livres de sexta-feira e vai abrir a segunda fila do grid, tendo ao seu lado a AlphaTauri do francês Pierre Gasly, outro piloto com grande rendimento ao longo do final de semana.

O espanhol Fernando Alonso, da Alpine, vai largar em quinto lugar, lado a lado com o mexicano Sergio Pérez, da Red Bull. O inglês Lando Norris, da McLaren, sai em sétimo, seguido pela Aston Martin do canadense Lance Stroll e pela AlphaTauri do japonês Yuki Tsunoda. O alemão Sebastian Vettel, da Aston Martin, ganhou também uma posição e vai abrir a disputa em 10.º.

A decepção do sábado ficou com o australiano Daniel Ricciardo, da McLaren, vencedor do GP da Itália. Ele foi um dos eliminados no Q1 e largará da 15.ª colocação. Nesta fase do treino oficial de classificação ficou à frente do canadense Nicolas Latifi (Williams), do italiano Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo), do finlandês Kimi Raikkonen (Alfa Romeo) e do russo Nikita Mazepin (Haas).

No Q2 foram eliminados Vettel, o francês Esteban Ocon (Alpine), o inglês George Russell (Williams) e o alemão Mick Schumacher, da Haas, que comemorou muito o 14.º melhor tempo da sessão. O espanhol Carlos Sainz Jr., da Ferrari, também se despediu do treino oficial de classificação nesta fase e sairá da 20.ª e última posição por conta de uma punição.

Confira o grid de largada do GP da Turquia:

1.º - Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) - 1min22s998

2.º - Max Verstappen (HOL/Red Bull) - 1min23s196

3.º - Charles Leclerc (MON/Ferrari) - 1min23s265

4.º - Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri) - 1min23s326

5.º - Fernando Alonso (ESP/Alpine) - 1min23s477

6.º - Sergio Pérez (MEX/Red Bull) - 1min23s706

7.º - Lando Norris (ING/McLaren) - 1min23s954

8.º - Lance Stroll (CAN/Aston Martin) - 1min24s305

9.º - Yuki Tsunoda (JAP/AlphaTauri) - 1min24s368

10.º - Sebastian Vettel (ALE/Aston Martin) - 1min24s795

11.º - Lewis Hamilton (ING/Mercedes) - 1min22s868*

12.º - Esteban Ocon (FRA/Alpine) - 1min24s842

13.º - George Russell (ING/Williams) - 1min25s007

14.º - Mick Schumacher (ALE/Haas) - 1min25s200

15.º - Daniel Ricciardo (AUS/McLaren) - 1min25s881

16.º - Nicholas Latifi (CAN/Williams) - 1min26s086

17.º - Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo) - 1min26s430

18.º - Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo) - 1min27s525

19.º - Nikita Mazepin (RUS/Haas) - 1min28s449

20.º - Carlos Sainz Jr. (ESP/Ferrari) - sem tempo*

* Punidos com a perda de 10 posições

Últimas