Mais Esportes Rally dos Sertões chega à 30ª edição com maior percurso do planeta e homenagem à Independência

Rally dos Sertões chega à 30ª edição com maior percurso do planeta e homenagem à Independência

Edição comemorativa dos 30 anos do evento passará por todas regiões do Brasil e acontece de 26 de agosto a 10 de setembro

  • Mais Esportes | Do R7

O Brasil será palco em 2022 do maior e mais importante rally do mundo, o Rally dos Sertões, que acontece entre os dias 26 de agosto e 10 de setembro, passando por todas as cinco regiões do país. A edição deste ano, além de celebrar os 30 anos da competição, homenageia o bicentenário da independência do Brasil. 

Na noite da última terça-feira (26), foi anunciado o roteiro do rally, em evento no Museu do Ipiranga, em São Paulo. A largada da prova será em Foz do Iguaçu, no Paraná, e termina em Salinopólis, no Pará. Entre início e destino final, serão 16 dias de evento, com apenas um dia de descanso para os pilotos.

Rally dos Sertões acontece do dia 26 de agosto a 10 de setembro

Rally dos Sertões acontece do dia 26 de agosto a 10 de setembro

Flickr/Sertões

Depois da largada em Foz do Iguaçu, os competidores seguirão para o norte, passando por Presidente Prudente, em São Paulo; Campo Grande, em Mato Grosso do Sul; Barra do Garças, em Mato Grosso; Palmas, no Tocantins; Bom Jesus, no Piauí; Balsas, no Maranhão; e chegará a Salinópolis, no Pará, entre outras cidades anfitriãs.

Ao todo, serão percorridos quase 4.000 quilômetros cronometrados de prova — mais do que o Rally de Dakar, até agora o maior do planeta. 

MUITO MAIS DO QUE UM RALLY

O Sertões é muito mais do que o maior rally das Américas; é uma prova icônica, genuinamente brasileira. É um evento que tem o Brasil como pano de fundo — não acontece em autódromo ou estádio — e conecta o Brasil. Guardadas as proporções, um Tour de France. Uma prova que acontece pelo país e é disputada pelas cidades.

Há ainda ações sociais no evento. A iniciativa SAS, Saúde, Alegria e Sustentabilidade, que surgiu em 2013, atua de forma itinerante em cidades por onde o rally passa. Com médicos voluntários, o projeto visa oferecer tratamentos especializados, zerando a fila de espera por esse tipo de cuidado. 

Há também um impacto econômico por conta do rally. A caravana dos Sertões conta com aproximadamente 2.000 pessoas que movimentam negócios como hotelaria, restaurantes, postos de combustível, mercados etc. 

Um pequenino entre gigantes: conheça a trajetória do Villarreal

Últimas