Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Jornalista que entrevistou Walewska um dia antes da morte dá detalhes: 'Estava extremamente feliz'

Alê Oliveira falou sobre a última entrevista da campeã olímpica e disse que ela tinha planos para o futuro: "Parecia mega-animada"

Mais Esportes|Do R7

Walewska morreu na quinta (21), aos 43 anos
Walewska morreu na quinta (21), aos 43 anos Walewska morreu na quinta (21), aos 43 anos

O jornalista Alê Oliveira foi a última pessoa a entrevistar Walewska e deu detalhes da gravação do podcast Ataque Defesa após ficar sabendo da morte da campeã olímpica, de 43 anos, em São Paulo, na noite de quinta-feira (21). O comunicador, que também foi jogador de vôlei profissional, destacou que a central estava muito feliz na entrevista e que não deu sinais de "nenhum problema de saúde mental nem de saúde física". 

"A gente não sabia o que tinha acontecido quando subiu o vídeo do podcast. A gente ia divulgar hoje, às 21h, e foi o que a gente fez, mas, 40 minutos depois, meu telefone começou a pipocar de pessoas perguntando, nos grupos de vôlei, perguntando se eu sabia o que tinha acontecido. Eu realmente não sabia e comecei a correr atrás da notícia, e a notícia foi confirmada oficialmente", disse o jornalista.

Oliveira gravou a entrevista com Walewska na quarta-feira (20), um dia antes da morte da campeã olímpica. Segundo ele, a central estava "extremamente feliz" e não deixou transparecer "nenhum problema que ela pudesse ter de questões de saúde mental ou saúde física".

"Se vocês puderem ver, assistir, ela estava extremamente feliz, contente, falou da carreira, falou dos planos, falou de muita coisa bacana da vida dela. Em nenhum momento passou qualquer problema que ela pudesse ter de questões de saúde mental ou saúde física, qualquer um, não transpareceu", comentou.

Publicidade

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

"Ela era uma mulher incrível, totalmente fora da curva. Nunca imaginei. Ela estava extremamente feliz, tinha ido no Palmeiras, conhecido Abel Ferreira, estava com planos de lançar uma marca de chocolate pré-treino, estava comandando um podcast sobre mentalidade olímpica, entrevistando figuras importantes do esporte nacional. Ela me parecia mega-animada." 

Ainda segundo Alê Oliveira, o episódio do podcast com Walewska seguirá publicado na íntegra nas plataformas como forma de prestar uma homenagem à campeã olímpica. 

Publicidade

"Vamos deixar o podcast no ar, porque vai virar um registro histórico da última entrevista da Walewska. Vamos deixar na íntegra, pode ser uma forma de respeito, de homenagem. O vôlei está de luto, porque você está com uma pessoa que é referência em um monte de coisa ontem e se vai", completou. 

Ouça a última entrevista da campeã olímpica Walewska:

Morte de Walewska: quem era a campeã olímpica de vôlei pela seleção que morreu aos 43 anos

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.