Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Jogadora de basquete Brittney Griner vai recorrer de condenação 'absurda'

Atleta foi detida em aeroporto russo, em fevereiro, portando cigarro eletrônico com derivado da 'Cannabis'

Mais Esportes|Do R7

Brittney Griner e governo americano devem apostar em acordo diplomático para driblar condenação
Brittney Griner e governo americano devem apostar em acordo diplomático para driblar condenação Brittney Griner e governo americano devem apostar em acordo diplomático para driblar condenação

A jogadora de basquete americana Brittney Griner, condenada nesta quinta-feira a nove anos de prisão por tráfico de drogas por um tribunal russo, vai recorrer dessa decisão "absurda", anunciaram seus advogados. 

"O veredicto é totalmente absurdo. Vamos recorrer, sem dúvida", disseram os advogados da jogadora em comunicado, logo após o anúncio da sentença. 

Griner está detida na Rússia desde sua prisão, em fevereiro, devido à posse de vapor líquido à base de Cannabis.

A condenação

Nesta quinta-feira (4), um tribunal russo condenou a jogadora a nove anos de prisão por ter sido flagrada com um cigarro eletrônico carregado com óleo de haxixe, um derivado da maconha, no Aeroporto Internacional de Moscovo-Sheremetievo, em fevereiro.

Publicidade

No caso, de acordo com as leis russas, a pena poderia ser de até dez anos, porém a juíza, Anna Sotnikova, levou em conta o pedido de desculpa de Griner e a carreira vitoriosa da atleta, que coleciona títulos mundiais e olímpicos.

A prisão da jogadora gerou uma tensão diplomática entre Rússia e Estados Unidos. Joe Biden, presidente americano, chamou o veredicto de "inaceitável" e pediu que ela fosse liberada. Nas últimas semanas, o governo americano se movimentou sobre o caso e o secretário de Estado, Antony Blinken, acionou a diplomacia russa na tentativa de um acordo.

Publicidade

"Eu peço à Rússia que a liberte imediatamente para que ela possa voltar para sua esposa, seus amigos mais amados e companheiras de time", afirmou Biden.

O flagrante aconteceu no dia 17 de fevereiro, cerca de uma semana antes da invasão russa da Ucrânia. O uso recreativo de Cannabis é permitido no Arizona, estado americano em que a jogadora atua.

Torcedora do Atlético-MG pede ajuda para remover intruso de foto e viraliza; confira a sequência

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.