Diego Costa preocupa Chelsea após levar pancada nas costelas

O agravamento da crise do Chelsea com a eliminação da Copa da Liga Inglesa na última terça-feira não é o único problema para o técnico José Mourinho nesse momento. Após ver o time cair no torneio com a derrota para o Stoke City nos pênaltis depois de empate por 1 a 1, o português disse não saber precisar a gravidade da lesão nas costas do atacante Diego Costa, que pode ficar das próximas partidas da equipe londrina.

"Ele está no hospital. Eu não sei como ele está. São as suas costelas", declarou o treinador do Chelsea, que depois adotou tom irônico ao comentar o modo como o seu jogador se lesionou. "Eu acho que ele se deu um soco", completou Mourinho.

Diego Costa se contundiu ainda no primeiro tempo do jogo diante do Stoke City após se chocar com o goleiro Jack Butland. Assim, foi substituído pelo atacante francês Loic Remy, que até marcou o gol do Chelsea na partida, mas não conseguiu evitar a eliminação precoce do time da Copa da Liga Inglesa.

Antes do jogo com o Stoke City, Diego Costa já havia desfalcado o Chelsea na temporada 2015/2016 por causa de dores musculares. E o atacante brasileiro naturalizado espanhol vem realizando uma temporada discreta pelo time londrino, com três gols marcados em 12 partidas.

Sob intensa pressão, pois está apenas em 15º lugar no Campeonato Inglês, o Chelsea voltará a entrar em campo no próximo domingo, em casa, diante do Liverpool, pela 11ª rodada. E a presença de Diego Costa nesse duelo está em dúvida após ele se lesionar no confronto com o Stoke City.