Criador do futsal, Newton Zarani morre aos 93 anos no Rio

Jornalista simulou jogo de futebol no salão de festas do América, seu clube do coração, no final dos anos 1940. ‘Praticou o esporte que criou até os 82 anos’ 

Newton Zarani jogou futsal até os 82 anos

Newton Zarani jogou futsal até os 82 anos

Reprodução/Federação de Futsal do Rio

Um dos criadores do então futebol de salão, hoje futsal, Newton Zarani morreu na manhã desta segunda-feira (11), no Rio. O jornalista esportivo, com 93 anos, foi vítima de AVC e pneumonia, no hospital Memorial. A informação é da Acerj (Associação dos Cronistas Esportivos do Estado do Rio de Janeiro).

Zarani organizou um jogo que imitava o futebol no salão de festas do América, seu clube do coração e que esteve até os últimos dias de vida, no fim da década de 1940. Ele participou também da fundação da primeira federação de futebol de salão, em 1954.

“Zarani praticou o esporte que criou até os 82 anos”, disse a Acerj. “Ele foi o responsável pelos primeiros passos de um esporte tão querido no país”, completou o América, em nota de falecimento.

Mais recentemente, frequentava o Clube Municipal, na Tijuca. Zarani deixa a esposa Maria Lúcia e os filhos Charles, Ivis e Michellle.

Curta a página de Esportes do R7 no Facebook

Colega de Ronaldo na Inter 'se perdeu' nas drogas e hoje é padeiro