Mais Esportes Conheça o solitário torcedor que não pegou o celular para filmar recorde de LeBron James

Conheça o solitário torcedor que não pegou o celular para filmar recorde de LeBron James

Phil Knight é fundador da Nike, empresa que deu patrocínio vitalicio para o jogador dos Lakers; fortuna do empresário passa de R$ 2 bilhões

Resumindo a Notícia
  • LeBron se tornou o maior pontuador da história da NBA na última terça (7)

  • Foto do momento do arremesso chamou atenção pela quantidade de celulares na arquibancada

  • Uma das únicas pessoas que não filmavam, e viam com os próprios olhos era um senhor na 1ª fila

  • O homem era Phil Knight, bilionário fundador da Nike, que deu contrato 'gordo' para Lebron

Homem com roupas pretas na primeira fileira, próximo ao centro da imagem, não pegou no celular para ver o jogo

Homem com roupas pretas na primeira fileira, próximo ao centro da imagem, não pegou no celular para ver o jogo

NBAE / GETTY IMAGES / GETTY IMAGES VIA AFP - 07.02.2023

Na última terça-feira (7), LeBron James marcou uma cesta de dois pontos que fez com que ele entrasse para a história. Com o acerto, o jogador dos Los Angeles Lakers chegou aos 38.388 pontos na careira, e se tornou o maior ‘cestinha’ da história da NBA.

Na principal imagem deste momento histórico, um fator chamou atenção. Praticamente todas as pessoas presentes na Crypto.com Arena — incluindo os filhos de LeBron, Bronny e Brice — estavam com os celulares empunhados, para registrar aquele momento, ao invés de presenciar com os próprios olhos a história sendo escrita.

Bom, praticamente todos. Na primeira fileira atrás da cesta, um senhor de cabelos brancos, com as mãos abaixadas, era uma das exceções.

O homem em questão se trata de Phil Knight, fundador da Nike, marca de material esportivo que patrocina todos os times da NBA, além de ter assinado um contrato vitalício com LeBron James, em um acordo que passa da casa do bilhão de reais.

LeBron e Phil Knight se encontraram após o jogo

LeBron e Phil Knight se encontraram após o jogo

JUAN OCAMPO / NBAE / GETTY IMAGES / GETTY IMAGES VIA AFP - 07.02.2023

Segundo dados da Forbes, Phil tem uma fortuna estimada em 46 bilhões de dólares (R$ 243 bilhões, na conversão de valores), e é o 26º homem mais rico do mundo.

Em 1964, junto a um colega, investiram 500 dólares cada um na Blue Ribbon Sports, que anos depois, mudou de nome para Nike.

Em 2021, a marca registrou um faturamento de 46,7 bilhões de dólares, e um lucro líquido de 6 bilhões.

Aposentado desde 2016, Knight mantém a posição de presidente emérito da gigante do esporte.
Após a partida do Lakers contra o Oklahoma City Thunders, em que LeBron bateu o recorde de pontos, Phil se encontrou com Lebron, e ambos dividiram o momento especial.

“Que jornada!”, disse Phil, enquanto abraçava LeBron, que disse que estava muito feliz que ele foi até o jogo. “Eu não poderia perder”, respondeu o fundador da Nike.

LeBron era um estudante quando assinou com a Nike

A parceria entre a marca e o maior jogador de basquete deste século vem antes mesmo de LeBron se tornar profissional.

Em 2003, quando tinha apenas 18 anos, e jogava basquete no ensino médio pela St.Vincent-St.Mary High School, em Akron, no estado de Ohio, James já era um dos maiores prospectos já vistos na liga americana.

A expectativa era tanta, que neste mesmo ano, a Nike já via que ele poderia ser o sucessor de Michael Jordan no que diz respeito a virar o rosto da NBA, e assinou um contrato de 90 milhões de dólares para o rapaz.

20 anos depois, o garoto de Akron já foi campeão da NBA  e eleito melhor jogador da temporada por quatro vez, além de ter sido selecionado como um All-Star em 19 oportunidades.

LeBron James pode dividir quadra com seu filho primogênito na próxima temporada da NBA

Últimas