Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

A diferença da preparação física para trekking e para alta montanha

Temos com atividades de trekking em regiões como Brasil entre outros países os quais não possuem montanhas nevadas, quando se

Blog de Escalada

Blog de Escalada|Do R7

Temos com atividades de trekkingem regiões como Brasil entre outros países os quais não possuem montanhas nevadas, quando se trata de montanhas nevadas não só o clima muda mas também muitos outros pontos os quais salientaremos aqui neste artigo.

O primeiro ponto e crucial destas duas atividades é a temperatura. O mecanismo termorregulador é uma das funções do nosso corpo que demanda maior quantidade de calorias em seu funcionamento, implicando assim diretamente na alimentação, hidratação e preparo físico. Haja visto que a reserva energética estará comprometida, um forte indicativo da ação deste mecanismo são os tremores involuntários iniciados quando se está exposto a baixas temperaturas.

Este mecanismo busca através de contrações involuntárias elevar a temperatura corporal. Já no trekking muitas vezes as altas temperaturas são uma pedra no sapato de muitos praticantes acelerando de maneira exponencial a desidratação.

Foto: Acervo Pessoal Lisete Florenzano

Publicidade

Estas são apenas algumas variantes externas que inferem muita diferença entre uma prática e outra, ainda temos que considerar o tempo de duração da atividade, peso extra, relevo entre outros tantos fatores os quais mudam por completo a mecânica da subida, a capacidade muscular exigida e o tempo de recuperação disponível.

Um grande exemplo pode ser a mecânica de subida utilizada em um trekking com deslocamento frontal regular por mais que as inclinações sejam acentuadas, já na alta montanha o deslocamento lateral é muito utilizado em grandes inclinações e o que essa diferença implica?

Publicidade

Na musculatura exigida, um utiliza o mecanismo motor do dia a dia, por mais que algumas pequenas alterações sejam feitas quanto a postura por conta do peso ou inclinação o mecanismo é o mesmo.

Já o deslocamento lateral não está presente em nosso cotidiano sendo que deve ser trabalhado de maneira mais intensa pelo fato de utilizar pequenos grupos musculares.

Blog de Escalada
Blog de Escalada Blog de Escalada

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.