Mais Esportes Alison e Álvaro Filho anunciam fim da dupla no vôlei de praia

Alison e Álvaro Filho anunciam fim da dupla no vôlei de praia

Outras duas duplas que disputaram a Olimpíada de Tóquio foram desfeitas: Ana Patricia e Rebeca, Evandro e Bruno Schmidt

Agência Estado - Esportes
Alison e Alvaro Filho não vão mais jogar juntos

Alison e Alvaro Filho não vão mais jogar juntos

Pilar Olivares/Reuters - 02.08.2021

Das quatro duplas de vôlei de praia que representaram o Brasil nos Jogos de Tóquio, três já anunciaram o fim da parceria: Evandro e Bruno Schmidt, Ana Patrícia e Rebecca e nesta terça-feira (31) foi a vez de Alison e Álvaro Filho comunicarem o fim do projeto do time que foi formado em maio de 2019 e um ano depois chegou à quarta posição no ranking mundial.

"O vôlei de praia se acostumou a ver duplas acabarem por brigas, por desgastes pessoais. Eu só posso agradecer ao Alvinho pelo tempo que jogamos juntos, por ter acreditado no projeto e pela oportunidade de disputarmos a Olimpíada. Agora seremos rivais, mas apenas isso. Alvinho não é apenas um grande jogador, mas também um grande homem, um grande profissional, criamos uma amizade muito forte, uma relação de respeito e isso vai permanecer", comentou Alison.

Ana Patricia e Rebecca desfizeram a dupla

Ana Patricia e Rebecca desfizeram a dupla

Julio Cesar Guimarães/COB/Divulgação - 03.08.2021

A única dupla que por enquanto se mantém unida é Ágatha e Duda. Mas já existem muitas especulações em torno dessa dança das cadeiras no vôlei de praia, pois sempre que uma parceria de grande potencial se rompe começam a surgir novas formações já visando às próximas competições. Até o momento, nenhum dos seis atletas que estiveram em Tóquio e estão sem dupla anunciaram seus planos para o próximo ciclo olímpico.

Evandro e Bruno Schmidt também não jogam mais juntos

Evandro e Bruno Schmidt também não jogam mais juntos

Wander Roberto/COB/Divulgação - 30.07.2021

Para Álvaro Filho, o aprendizado ao atuar ao lado de um campeão olímpico da modalidade foi muito importante. "Foi um período de experiência único, especial, que foi disputar a Olimpíada. Tivemos muitas alegrias, formamos uma dupla forte, comprometida, e saio para novos desafios como um jogador diferente, mais experiente e maduro", afirmou.

Ele reforçou que o fim da parceria não se deve a problemas de relacionamento com o ex-companheiro. "Quero agradecer também à toda a equipe pela forma como me acolheram e por tudo que fizemos juntos. Durante esse tempo juntos, eu e Alison construímos uma amizade sólida, vivemos muitos momentos juntos, e o mais importante é o respeito que temos um pelo outro", continuou.

Últimas