Esportes Luisa Stefani começa temporada de 2021 com vitória na chave de duplas em Abu Dabi

Luisa Stefani começa temporada de 2021 com vitória na chave de duplas em Abu Dabi

A temporada de 2021 da tenista brasileira Luisa Stefani em duplas começou com vitória no Torneio de Abu Dabi, um WTA 500 nos Emirados Árabes Unidos. Nesta sexta-feira, ela e a americana Hayley Carter estrearam na competição disputada em quadras rápidas batendo as casaques Elena Rybakina e Yaroslava Shvedova por 2 sets a 0 - com um duplo 6/3 em 1 hora e 12 minutos.

Cabeças de chave número 8 em Abu Dabi, Stefani e Carter terão agora pela frente a russa Daria Kasatkina e a eslovena Annet Kontaveit, que tiveram mais trabalho para superar a estreia, precisando de três sets para ganhar de virada das bielo-russas Lidziya Marozava e Aliaksandra Sasnovich com as parciais de 6/7 (8/10), 7/6 (7/4) e 10 a 5 no match tie-break.

"Ótima estreia, jogo muito bom para começar o ano, pé direito. Partida bem limpa da nossa parte, fizemos algumas coisas muito bem, boa percentagem de primeiro saque. Quadra está bem rápida, ainda mais essa de hoje (sexta-feira), então saque foi bem importante. Devolvemos bem. Para mim um dos melhores jogos de devolução que fiz. Bom ver que o trabalho de pré-temporada fez efeito", disse Stefani, que depois comentou sobre as próximas rivais.

"São duas simplistas, ótimas jogadoras, é uma nova parceria. É outro estilo de jogo. Sempre diferente. Vamos assistir o jogo que elas fizeram. Animada para a próxima rodada, é continuar treinando e aproveitando o primeiro torneio do ano", completou a número 1 do Brasil e 33.ª do mundo no ranking individual de duplas da WTA.

Antes de jogar a chave de duplas, Stefani, que tem base na Saddlebrook Academy, na Flórida, nos Estados Unidos, disputou o qualifying de simples, na última terça-feira, perdendo na estreia para a grega Valentini Grammatikopoulou por 2 sets a 1 (6/4, 1/6 e 6/1). A brasileira chegou na noite de domingo em Abu Dabi e só teve a liberação para sair do quarto com o teste de covid-19 negativo na manhã de terça, horas antes da partida.

SIMPLES - Principal favorita ao título na chave de simples, a americana Sofia Kenin não precisou vencer um set sequer para superar a terceira fase e avançar às oitavas de final. A atual número 4 do mundo contou com a desistência da belga Kirsten Flipkens, com uma lesão no tornozelo, quando perdia a partida com parciais de 5/7 e 5/4.

Nas oitavas de final, a americana medirá forças com a cazaque Yulia Putintseva, cabeça de chave número 13, que deixou pelo caminho a checa Barbora Krejcikova com uma vitória por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/5.

Quem também avançou foi a bielo-russa Aryna Sabalenka, que fez valer a condição de quarta pré-classificada e despachou a australiana Ajla Tomljanovic em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/4. Nas oitavas, ela terá pela frente a tunisiana Ons Jabeur, cabeça 15, que superou de virada a quali ucraniana Kateryna Bondarenko por 2 a 1 - parciais de 5/7, 6/3 e 6/2.

Últimas