Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

VÍDEO: FIA presta homenagem a Ayrton Senna no Grande Prêmio da Austrália

Senna venceu duas vezes na Austrália

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance LANCE (Lance)

No final de semana do Grande Prêmio da Austrália, no circuito de Albert Park, em Melbourne, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) prestou uma homenagem para Ayrton Senna. O brasileiro tricampeão mundial é recordista de poles no antigo circuito de rua de Adelaide, seis com voltas mais rápidas e duas vitórias.

O domingo da corrida (24) foi na mesma semana em que Ayrton completaria 64 anos, no dia 21. Um helicóptero com as cores do icônico capacete usado por Senna sobrevoou o entorno do Circuito de Albert Park. Após a “Drivers Parade”, tradicional desfile dos pilotos em carro aberto antes da formação do grid, a aeronave surgiu no céu e percorreu o traçado da pista. VEJA O VÍDEOACIMA!

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

A homenagem é a primeira da temporada feita pela Fórmula 1 para celebrar os 30 anos de legado de Ayrton Senna, que acontece durante o ano de 2024. O primeiro país escolhido foi a Austrália, palco de momentos memoráveis da carreira do brasileiro.

Publicidade

No Grande Prêmio da Austrália em 1993, no antigo circuito de Adelaide, o piloto conquistou sua 41ª e última vitória na Fórmula 1. Pela McLaren, Senna venceu o piloto francês Alain Prost em uma performance inesquecível, conquistando a pole position e liderando a prova praticamente do início ao fim.

A última vitória de Senna marcou também a despedida de Prost das pistas. Antes da aposentadoria, durante as celebrações do pódio, em um gesto exemplar de respeito e espírito esportivo, Ayrton convidou o ex-companheiro de equipe para subir o degrau mais alto ao seu lado.

Publicidade

➡️ F1: Horner tenta reafirmar força e mira Alonso para vaga de Pérez na Red Bull em 2025

Outro GP memorável na Austrália aconteceu em 1991, também no circuito de Adelaide. Já com título da temporada nas mãos, Senna cravou a pole e segurou a liderança debaixo de muita chuva. Após 16 voltas e muitos acidentes, a prova foi interrompida, sendo considerada a corrida mais curta da Fórmula 1.

Publicidade

Em toda a carreira, Senna soma 2 vitórias em GPs e é recordista de poles no antigo circuito de rua de Adelaide, com voltas mais rápidas em 1985, 1988, 1989, 1990, 1991 e 1993.

➡️ Alonso reclama de punição ‘decepcionante’ e diz que manobra ‘faz parte do automobilismo’

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.