Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Verstappen vence com mais 30 segundos de vantagem na Hungria em dia de recorde da Red Bull

Com um início eletrizante, o holandês não teve dificuldade para conquistar mais uma vitória na temporada

Lance

Lance|Do R7

Max Verstappen vence o GP da Hungria de Fórmula 1
Max Verstappen vence o GP da Hungria de Fórmula 1 Max Verstappen vence o GP da Hungria de Fórmula 1

Mais uma vez Max Verstappen venceu na Fórmula 1. Na manhã deste domingo (23), o holandês da Red Bull não teve dificuldade para ficar no topo no GP da Hungria. Lando Norris e Sergio Pérez completaram o top 3.

O início da prova foi bem agitado. Lewis Hamilton teve uma leve batalha com Verstappen, que largou bem. Os dois quase se tocaram, e Oscar Piastri aproveitou que o britânico não conseguiu segurar a posição, pulando para a segunda colocação, seguido de Lando Norris.

Além da boa largada das duas McLarens, o início da corrida teve um acidente com os carros da Alpine, que bateram e deram adeus à prova antes de completar cinco voltas. Guanyu Zhou recebeu cinco segundos de penalidade por causar a colisão.

Logo depois, Sergio Pérez e Fernando Alonso duelaram pela sétima posição, e o mexicano levou a melhor em cima do príncipe das Astúrias. George Russell, que começou na 18ª colocação, veio fazendo uma ótima corrida de recuperação e na volta 19 conseguiu chegar perto de Hamilton, seu colega de equipe, e conquistou a sexta colocação.

Publicidade

Lando Norris foi para os boxes, fez o undercut (antecipou o pit, colocando pneus mais novos, virando mais rápido que o carro da frente) e ultrapassou Piastri.

Verstappen continuou com o seu ritmo de corrida e não teve problemas para defender a sua liderança. Na volta 42, Pérez e Hamilton lutaram pela quarta posição, o heptacampeão defendeu o seu espaço por muito tempo, conseguiu levar a melhor e o piloto da Red Bull foi para os boxes, surpreendendo com o tempo de 1,9 segundo de pit. Piastri fez o mesmo, e o britânico ficou na terceira colocação.

Publicidade

O australiano da McLaren e o mexicano da atual campeã dos construtores batalharam pela quarta posição. Pérez fez uma boa manobra e conquistou a posição de Piastri. Na volta 57, foi a vez de Hamilton abrir a asa móvel e pegar a posição de Piastri, conquistando a quarta colocação.

Nas voltas finais, a bandeira amarela foi ativada após Logan Sargeant rodar na chicane. Em seguida, Verstappen abriu a última volta e, como de costume, foi o primeiro a ver a bandeira amarela. Norris ficou mais uma vez na segunda colocação e Pérez voltou ao pódio depois de algumas corridas fora do top 3.

Publicidade

Com a vitória de Verstappen, a Red Bull bateu o recorde da McLaren de 11 vitórias consecutivas. Com a de hoje, a equipe austríaca conquista o 12° triunfo seguido.

Desta vez não vai haver descanso, e a Fórmula 1 volta na próxima semana no GP da Bélgica.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.