Lance Veiga revela superação do Palmeiras na altitude: 'Tontura e dor de cabeça'

Veiga revela superação do Palmeiras na altitude: 'Tontura e dor de cabeça'

Meia elogiou a partida do Verdão mesmo com todos os obstáculos que a geografia de La Paz provocou nos jogadores

Lance
Lance

Lance

Lance

Titular do meio campo do Palmeiras na vitória por 2 a 1 sobre o Bolívar, nesta última quarta-feira (16), pela Libertadores. o meia Raphael Veiga participou do programa 'Gazeta Esportiva' desta quinta-feira (17), e revelou os bastidores do histórico triunfo do Palmeiras na altitude de La Paz.

- É muito diferente jogar lá do que jogar no Brasil. Tanto que no vestiário muitos companheiros tiveram um pouco de tontura e dor de cabeça. São fatores que acabam atrapalhando nosso rendimento, mas conseguimos fazer um bom jogo, apesar da altitude. - disse o camisa 23.


Veiga ainda revelou a importância de Luxemburgo no resultado. O técnico treinou bastante chutes de longa distância.

- O professor falou muito sobre essa questão dos chutes nos treinamentos. A bola balança até chegar no gol. Eu dei dois chutes no primeiro tempo, normalmente eu tento tirar do goleiro, mas ontem dei dois no meio do gol exatamente por isso, só que ela acabou não indo do jeito que eu gostaria. O Luxa cobrou o Menino na preleção, fizemos o que ele pediu. Ele tem uma grande parcela de responsabilidade nessa vitória - disse Raphael Veiga.

Atuando mais aberto pelo lado direito em La Paz, o meia reafirmou que sonha com uma sequência como titular:

- Acho que todo jogador precisa de sequência, é importante. Essa questão de jogar aberto, é um lugar que o professor já tinha me testado no início do ano, se ele precisar de mim por ali eu vou estar, mas conversei com ele, ele sabe que eu me sinto melhor no meio. Ontem, acredito que, mesmo jogando aberto, consegui fazer um bom jogo. A minha parte é treinar e me preparar pra abraçar as oportunidades quando a chance aparecer. - finalizou o jogador de 25 anos.

Raphael Veiga tem 69 jogos e nove gols pelo Palmeiras. Contra o Bolívar, ele fez a sua estreia nessa Libertadores de 2020.

Últimas