Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Vadão não é mais treinador da Seleção Brasileira feminina

Técnico teve desempenho ruim e foi muito criticado pelo retrospecto adverso pré-Copa

Lance|

Lance
Lance Lance

Após um mês da eliminação nas oitavas de finais da Copa do Mundo na França, o técnico Oswaldo Alvarez, o Vadão, foi demitido pelo presidente da CBF, Rogério Caboclo, na tarde desta segunda-feira, do cargo de técnico da Seleção Brasileira feminina. A informação é de Gabriela Moreira, do 'Globoesporte'.

Marco Aurélio Cunha, atual coordenador de futebol feminino da confederação, por enquanto continua no cargo, mas sua permanência segue sendo discutida internamente.

Essa foi a segunda passagem de Vadão como técnico da Seleção Brasileira feminina. A primeira foi quando o técnico comandou a equipe na Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016, mas deixou o cargo logo após o quarto lugar na competição.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.