Lance 'Um bom time também tem sorte', diz Pia Sundhage após Seleção feminina golear China na Olimpíada

'Um bom time também tem sorte', diz Pia Sundhage após Seleção feminina golear China na Olimpíada

Treinadora destaca fato do Brasil 'marcar gols e jogar bem' no 5 a 0 sobre as chinesas, nesta quarta-feira, mas aproveita para reconhecer atuação de Bárbara: 'Nos salvou duas vezes'

Lance
Lance

Lance

Lance

Nem mesmo a estreia da Seleção feminina com uma goleada por 5 a 0 sobre a China é suficiente para a técnica Pia Sundhage deixar de ficar em alerta em relação à postura da equipe. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (21) após a equipe fazer sua primeira partida no Grupo F dos Jogos Olímpicos, a comandante sueca reconheceu que o peso do primeiro jogo passou, mas o Brasil contou com "momentos de sorte" em Miyagi.

> Veja a classificação do futebol feminino nos Jogos Olímpicos!

- Claro que estou muito feliz com a vitória, marcar gols e jogar bem. O primeiro jogo é sempre difícil. Por alguns momentos, a China nos dificultou e tivemos também sorte. Mas um bom time tem também sorte. Bom começo para a Seleção Brasileira - disse.

Aos seus olhos, a goleira Bárbara foi fundamental para a equipe desenhar a goleada.

- Acho que é importante dar os méritos e reconhecer a atuação da Barbara hoje. Obviamente poderíamos ter sido melhor. Mas fomos bem e tivemos sorte, mas também graças a Barbara. Ela nos salvou duas vezes - e frisou:

- São os primeiros minutos dos Jogos Olímpicos e todos estão nervosos. Foi um jogo bastante difícil - complementou.

O Brasil volta a campo no sábado (24) para enfrentar a Holanda, que estreou aplicando um sonoro 10 a 3 em Zâmbia.

Últimas