Lance Troca nas laterais, reação de Cano e mais: o que observar do Vasco no duelo contra o Botafogo pela Série B

Troca nas laterais, reação de Cano e mais: o que observar do Vasco no duelo contra o Botafogo pela Série B

Cruz-Maltino precisa fazer 100% nos cinco jogos que restam para o fim da competição. Riquelme será desfalque importante; argentino perdeu pênalti decisivo contra o Guarani 

Lance
Lance

Lance

Lance

Sem vencer há três partidas, o Vasco volta a campo, neste domingo, no clássico diante do Botafogo, às 16h, em São Januário, pela 34ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Cruz-Maltino tenta a última cartada para ainda ter chance matemática de almejar o acesso. Com os tropeços, o time tem apenas 1% de chance de conquistar o acesso restando cinco jogos para o fim da competição.

Com 47 pontos, o Gigante da Colina tem oito de diferença para o Goiás, atual quarto colocado. Depois das chegada de Fernando Diniz e Nene, a equipe teve uma curta reação, mas logo velhos problemas voltaram a aparecer. Restam cinco jogos para o fim da competição, e o time precisa fazer 100% nesta reta final. Diante disto, o LANCE! listou cinco pontos importantes para o torcedor ficar de olho no Vasco contra o Alvinegro.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

- Troca nas laterais: Na escalação, Fernando Diniz terá um desfalque importante para o clássico. O lateral-esquerdo Riquelme está suspenso depois de tomar o terceiro cartão amarelo. O jovem conquistou a titularidade com qualidade e personalidade. Com isso, o comandante cruz-maltino deve deslocar Zeca para o lado esquerdo e escalar Léo Matos como titular na direita.

- Presença das torcidas: Foram colocados às venda 20 mil ingressos e até a noite de sábado foram emitidos cerca de 6.192, mil deles para a torcida visitante, do Glorioso. A tendência é que não seja uma presença massiva do público devido à desconfiança da torcida com o time, que está bem próximo de sacramentar a permanência na Série B em 2022.

- Poder de reação no momento decisivo: Durante toda a campanha, o Vasco não conseguiu engrenar e ter força para entrar no G4. Todos os momentos em que teve a oportunidade de colar no pelotão de frente, o time tropeçou. Neste domingo, será o momento chave para novamente testar o poder de reação deste elenco. Com apenas 1% de chance de conquistar o acesso, um tropeço pode concretizar a permanência.

- Nene: O camisa 77 foi um dos responsáveis por ajudar a equipe a voltar a ser competitiva. Com quatro gols e duas assistências em 9 jogos, o meia tornou-se protagonista e trouxe qualidade de passe e nas bola parada. Uma boa atuação do Vasco passa pelo meia, que apesar da idade - 40 anos - mostrou que pode ser decisivo. No entanto, pode ter voltado tarde demais, o que evidencia problemas na montagem do elenco para a temporada.

- Cano: Diante do Guarani, o argentino novamente teve a chance de ajudar o Vasco, mas desperdiçou um pênalti. O centroavante precisa reagir e voltar a ser decisivo com a presença de Nene em campo. Apesar de ser artilheiro da equipe pela segunda temporada seguida, o jogador voltou a falhar, já que também perdeu pênalti contra o Internacional, na Série A, no jogo que praticamente decretou o quarto rebaixamento da história do clube.

Últimas