Lance Thiago Monteiro vibra com maior vitória em Davis: 'Impossível não se arrepiar'

Thiago Monteiro vibra com maior vitória em Davis: 'Impossível não se arrepiar'

Brasileiro empatou o confronto contra a Alemanha e destacou a torcida

Lance
Lance

Lance

Lance

Thiago Monteiro, número 114 do mundo, vibrou com sua vitória da noite desta sexta-feira por 6/3 1/6 6/3 sobre Jan-Lenard Struff, 60º colocado, seu maior triunfo em Copa Davis que empatou o confronto diante da Alemanha por 1 a 1 no Parque Olímpico do Rio de Janeiro.

O tenista vibrou com a atmosfera de Carnaval feita pela torcida com cerca de seis mil pessoas: "Impossível não se arrepiar , tentar jogar solto e desempenhar bem. Hoje consegui executar o plano de jogo muito bem. É uma emoção diferente. Copa Davis é especial. eu amo, capitão ama também. Temos que desfrutar esses momentos, é um sonho de criança e quando chegam esses grandes jogos é aproveitar da melhor forma", disse o tenista que descreveu como é preciso saber dosar para usar a torcida a seu favor.
"É muito importante, me transmite muito energia, gosto de jogar nessa atmosfera, mas ao mesmo tempo é preciso demonstrar boa energia em quadra, boa postura e também saber usar a torcida a seu favor , usar de maneira positiva pro meu jogo, me manter bem intenso, sinto o momento certo de puxar essa energia e tentar mexer com a cabeça do adversário . hoje funcionou bem e sem dúvidas também. Teremos um dia muito importante. Essa ajuda é um extra e na Copa Davis é fundamental".

Sobre a partida contra o rival, ele disse: "Início do jogo foi muito bom, venho me preparando bem com todo o time , me sentindo bem toda a semana, hoje senti que a quadra estava bem boa, estava melhorando a cada dia. Consegui jogar de maneira bem sólida, bem firme, anulando um pouco o jogo do Struff, consegui uma quebra , fui sacando bem e administrando o jogo. No segundo set ele deu um passo à frente, me abafou, tirou meu tempo, tirou boas bolas, sacou muito bem, eu perdi um saque de bobeira , bola que saiu muito pouco, perdi a confiança. No terceiro set tirei um tempo para dar uma pensada, uma tranquilizada , troquei de roupa e voltei com toda a intensidade. Chamei o apoio do público que sempre ajuda , dá todo o apoio, a energia necessária . E foi um pouco do que aconteceu no primeiro set, saí com quebra, usei bem meu saque e minhas bolas do jeito que gosto", apontou.
"Nos momentos importantes consegui estar bem , tranquilo e concentrado no que precisava fazer. Estava sentindo muito bem a bola, confiando no capitão propôs pro jogo e como me sentindo. Para ganhar esses jogos difíceis contra o Struff que está pelos 30, 40 do mundo há muito tempo é preciso estar muito ligado a todo momento".

Com 1 a 1 no confronto, Monteiro entrará no quarto jogo deste sábado após as duplas contra Alexander Zverev, terceiro do mundo, onde decidirá a favor do Brasil ou terá que empatar em 2 a 2
"Sempre contra um top 10 é diferente, é preciso jogar em alto nível para ter alguma chance. Observei o jogo dele de hoje, vamos conversar com o time , bolar o plano de jogo para tentar desempenhar em bom nível e encaixar meu jogo para me impôr. É um jogo dificílimo, ele vé o favorito, vou buscar jogar solto e nos momentos importantes buscar estar firme, de maneira sólida, e dar tudo para conquistar esse ponto".
Monteiro espera ter Carnaval o dia todo neste sábado: "Espero que amanhã a quadra esteja explodindo, completamente cheia. Precisamos disso, motiva todo mundo. Que tenha Carnaval até anoitecer"
O sábado começa às 14h com Bruno Soares e Felipe Meligeni contra Kevin Krawietz e Tim Puetz e na sequência tem Monteiro x Zverev. Caso necessário, Thiago Wild finaliza contra Struff.

Últimas