Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Técnico da Bélgica se irrita em coletiva, dispara contra a imprensa e diz que seleção está 'sozinha'

Roberto Martínez mostrou irritação ao falar da semana tensa da Bélgica na Copa do Mundo

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Lance

A Bélgica vive a semana mais tensa deste ciclo de Copa do Mundo. Após a derrota para Marrocos, o jornal francês 'L'Equipe' publicou que jogadores quase chegaram às vias de fato no vestiário e que por conta disso, uma 'reunião de emergência' foi convocada pela comissão técnica para gerir a crise interna.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, o técnico Roberto Martínez afirmou que a tal reunião convocada pela comissão técnica belga foi para corrigir erros da equipe e focar em uma melhora de desempenho.

- Não estávamos felizes com nossas performances aqui na Copa. Conseguimos uma vitória no primeiro jogo, mas não ficamos satisfeitos. No segundo jogo, foi a primeira vez que perdemos por dois gols de diferença em um grande torneio, então não ficamos felizes. Por isso, tivemos que reagir fazendo uma reunião para discutir as coisas, como se faz em qualquer ambiente de alta performance

+ Lukaku pode ser super trunfo da Bélgica em 'final' contra a Croácia na Copa do Mundo

Publicidade

O treinador mostrou irritação com a matéria publicada pelo jornal francês, afirmou que pode ter um 'motivo' por trás da matéria do 'L'Equipe' e reclamou que a imprensa belga deixou a seleção 'sozinha'.

+ Ex-técnico da Bélgica opina sobre crise interna da seleção na Copa do Mundo: 'Devem ficar em silêncio'

Publicidade

- Aí você vê a tempestade se formando lá fora e pensamos: 'Talvez a gente estivesse dando muita atenção ao barulho'. Infelizmente, há muitos veículos de imprensa na Bélgica e em outros lugares que gostam de publicar fake news, e isso é espantoso. Eu não sei qual foi a motivação do L'Équipe em publicar a matéria. Para falar a verdade, eu tenho muita coisa para me preocupar, como os treinos, para ficar pensando na motivação dessa história. Só sei que, quem fez isso, marcou um golaço contra a Bélgica. Se eu fosse um jornalista, talvez eu adoraria poder enfraquecer um rival direto, que é um dos times mais fortes do torneio. Então, fica uma lição para nós: estamos sozinhos aqui, por conta própria, para lutar pelo que acreditamos. E tomara que os verdadeiros torcedores possam apoiar nossa equipe - disparou.

Para conseguir a classificação e amenizar a crise, a Bélgica precisa vencer a Croácia nesta quinta-feira, no Ahmad Bin Ali Stadium, em Al Rayyan, às 12h (de Brasília).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.