Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Simon revela maior erro da carreira como árbitro em jogo decisivo da Copa do Brasil

Comentarista de arbitragem abriu o jogo e comentou a falha

Lance

Lance|Do R7

O ex-árbitro Carlos Eugênio Simon abriu o jogo e revelou o maior erro da carreira, em conversa no podcast "Benja Me Mucho", nesta semana. Comentarista de arbitragem da ESPN, o gaúcho afirmou que a falha mais importante como profissional foi no jogo entre Botafogo e Atlético-MG, nas quartas de final da Copa do Brasil de 2007.

➡️Siga o Lance! Fora de Campo no WhatsApp e saiba o que rola fora das 4 linhas

- Eu não dei um pênalti para o Atlético-MG contra o Botafogo, em uma quartas de final de Copa do Brasil, foi meu maior erro na história da arbitragem. Não quero justificar aquele erro, já reconheci. Mas eu estava com uma hérnia inguinal. Eu sentia dor, mas continuava apitando, colocava um saco de gelo em cima - começou Simon.

- Toda imprensa veio em cima depois do jogo. Eu senti que alguma coisa tinha acontecido. Aí, no dia seguinte eu vi o erro e falei que iria parar de apitar. A minha mulher falou: "Você não vai parar e vai para a Copa América". E eu fui para a Copa América e só não apitei a final porque foi Brasil e Argentina. Fui eleito o melhor árbitro do torneio - completou.

Publicidade

➡️Simon assume erro grave em final com o Corinthians: ‘Falando pela primeira vez’

Botafogo e Atlético-MG haviam empatado em 0 a 0 em Minas Gerais e faziam o jogo decisivo, no Rio de Janeiro. Aos 47 minutos do segundo tempo, Simon deixou de marcar um pênalti em Tchô, do time mineiro. A equipe carioca venceu a partida por 2 a 1 e avançou às semifinais do torneio.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.