Lance Sem Mineirão e Independência, clássico mineiro deve acontecer em Uberlândia

Sem Mineirão e Independência, clássico mineiro deve acontecer em Uberlândia

Cruzeiro e Atlético-MG se enfrentam no próximo dia 03 de junho, pelo Campeonato Brasileiro

Lance

Sem disponibilidade do Mineirão, o Cruzeiro tem negociações bem encaminhadas para mandar o clássico contra o Atlético-MG, válido pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, no Parque do Sabiá, em Uberlândia-MG. Ainda não há nada oficial, mas a mudança deve ser oficializada em breve. A informação foi inicialmente divulgada pela Rádio Itatiaia.

O Gigante da Pampulha estará indisponível, uma vez que sediará um show de música eletrônica, no dia do jogo, em seu gramado. Segunda opção, a Arena Independência estará entregue ao América-MG, proprietário do estádio, que recebe o Corinthians, na mesma data. Raposa e Galo se enfrentam no próximo dia 03 de junho, às 18h30.

+ Todos os jogos do Brasileirão você encontra no Prime Video. Assine já e acompanhe seu time do coração!

O Cruzeiro, mandante da partida, até tentou mudar a data do clássico junto à CBF, mas isso não deve acontecer. Adversário e arquirrival, o Atlético-MG está envolvido na Libertadores e, portanto, precisa jogar no sábado, já que entrará em campo na terça-feira seguinte, 06 de junho, pela competição continental. O adversário será o Alianza Lima-PER.

Segundo o que prevê o regulamento Geral de Competições (RGC) da CBF, uma mudança de palco, em um raio superior a 50km da cidade-sede do clube mandante (como é o caso de Uberlândia), precisa ser comunicada com, no mínimo, dez dias úteis de antecedência. Por enquanto, na tabela do Brasileiro, o confronto está om o local "a definir".

+ Confira a tabelas do Brasileirão

A tendência de mudança para o Parque do Sabiá se dá, principalmente, pelo apelo popular do principal clássico mineiro, já que o estádio tem capacidade para 40 mil torcedores. Além disso, ainda de acordo com o que divulgou a Itatiaia, uma empresa teria oferecido cerca de R$ 1 milhão ao Cruzeiro, além de custear gastos como passagens aéreas e hospedagens do time celeste e do seu rival, Atlético-MG.

Atualmente, Raposa e Galo vivem um momento de crescente no Brasileirão e figuram na zona de classificação para a Libertadores, o chamado G-6. Enquanto a equipe celeste tem 12 pontos e ocupa a quarta colocação, o time alvinegro tem dez pontos somados, e está no quinto lugar na tabela de classificação.

Últimas