Lance Seleção Brasileira: Marquinhos revela processo de recuperação de Neymar: 'Está dormindo na fisioterapia'

Seleção Brasileira: Marquinhos revela processo de recuperação de Neymar: 'Está dormindo na fisioterapia'

Zagueiro concedeu entrevista coletiva na manhã deste domingo e falou da lesão do amigo

Lance
Lance

Lance

Lance

Dificilmente uma coletiva ou qualquer entrevista na Seleção Brasileira deixará de falar sobre a lesão de Neymar nesta Copa do Mundo. E não foi diferente nesta manhã, quando Marquinhos falou com a imprensa no protocolo oficial da Fifa nos pré-jogos da competição. Companheiro do atacante no PSG, o zagueiro revelou o empenho do amigo.


> AO VIVO: acompanhe em tempo real os passos da Seleção Brasileira na Copa do Mundo

Segundo Marquinhos, Neymar chegou a ficar bem triste depois do jogo contra a Sérvia, quando lesionou o tornozelo direito. No entanto, após o diagnóstico e as diretrizes da recuperação, o sentimento mudou e agora a motivação é total para voltar ao time.

- Na hora, no momento, até digerir tudo, é uma situação delicada e difícil. No momento pós-partida eu o vi triste. Acho que é normal, por tudo aquilo que ele sonhava, a vontade que tinha, e agora estar sofrendo uma lesão. Hoje, após exames, tratamento, ele está dormindo na fisioterapia, fazendo 24 horas por dia, isso mostra o quanto ele quer estar de volta com a gente. Não sabemos quando, mas esperamos o mais rápido possível para ele estar bem, com saúde mental e física também - afirmou o defensor antes de completar:

- Mas hoje eu o vejo muito melhor. É importante estar com a cabeça boa no momento de uma lesão, influencia muito na recuperação. Eu vejo ele muito bem e confiante na volta dele, isso é muito bom para ajudar na questão do retorno dele. Ele está muito focado. Está dormindo na fisioterapia, 24 horas por dia para que possa estar de volta. A gente vai seguir trabalhando, jogo a jogo, esperando ele a cada partida.

Marquinhos e Neymar

Marquinhos e Neymar

Lance

Neymar e Marquinhos durante treino do Brasil (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)


> Veja a tabela e o simulador da Copa do Mundo-2022 clicando aqui

Ainda que reconheça a importância de um jogador do nível de Neymar, Marquinhos mantém a confiança na qualidade da Seleção na sequência da Copa do Mundo. Para o zagueiro, há jogadores no grupo que estão demonstrando que podem suprir as ausências.

- Confiança 100%. Eu acho que é inevitável, queríamos ter o Neymar e o Danilo. Em uma Copa, o professor está aqui e pode falar, ele queria ter os 26 jogadores disponíveis. Mas estamos confiantes e estamos prontos para mostrar que o grupo é forte, que o grupo está bem treinado e pronto para qualquer divergência que tivermos na Copa. Em Copa, nem sempre o time que começa é o time que vai terminar. Por lesão, por um estar melhor que o outro, então todos ali tem o seu papel importante.

- Creio que no último jogo já vimos a importância daqueles que entram no segundo tempo. Os que começam jogando têm seu papel importante, mas os que não começam também. Em momento de lesão, aqueles que entrarem têm que estar prontos e bem para este momento. Creio eu que com o talento e grupo que temos vamos manter o nível.

> Neymar fora da fase de grupos: relembre outras lesões que o atrapalharam na Seleção

Marquinhos e seus companheiros treinam nesta manhã, às 10h30 (de Brasília), pela última vez antes de enfrentarem a Suíça, nesta segunda-feira, às 13h (de Brasília), pela segunda rodada do Grupo G da Copa do Mundo do Qatar. O Brasil lidera a chave com três pontos e leva vantagem no saldo de gols em relação aos suíços, vice-líderes.

Últimas