Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

São Caetano cai para 3ª divisão de SP: listamos clubes que tiveram declínios grandes

Lance|

O São Caetano, que já viveu fases de orgulho no passado, quando foi finalista da Libertadores e vice-campeão brasileiro duas vezes seguidas no início do dos anos 2000, além de campeão Paulista em 2004, acabou rebaixado à Série A3 do Estadual. O LANCE! listou clubes que já viveram bons momentos no passado, mas que tiveram grandes declínios. Confira.
O São Caetano, que já viveu fases de orgulho no passado, quando foi finalista da Libertadores e vice-campeão brasileiro duas vezes seguidas no início do dos anos 2000, além de campeão Paulista em 2004, acabou rebaixado à Série A3 do Estadual. O LANCE! ... O São Caetano, que já viveu fases de orgulho no passado, quando foi finalista da Libertadores e vice-campeão brasileiro duas vezes seguidas no início do dos anos 2000, além de campeão Paulista em 2004, acabou rebaixado à Série A3 do Estadual. O LANCE! listou clubes que já viveram bons momentos no passado, mas que tiveram grandes declínios. Confira.
São Caetano
São Caetano São Caetano
Os momentos de auge foram no início dos anos 2000, quando o clube foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro por duas vezes, em 2000 e 2001, e chegou à final da Libertadores de 2002, quando foi vice para o Olimpia. Foi campeão paulista em 2004, mas depois declinou e colecionou rebaixamentos.
Os momentos de auge foram no início dos anos 2000, quando o clube foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro por duas vezes, em 2000 e 2001, e chegou à final da Libertadores de 2002, quando foi vice para o Olimpia. Foi campeão paulista em 2004, mas depo... Os momentos de auge foram no início dos anos 2000, quando o clube foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro por duas vezes, em 2000 e 2001, e chegou à final da Libertadores de 2002, quando foi vice para o Olimpia. Foi campeão paulista em 2004, mas depois declinou e colecionou rebaixamentos.
Portuguesa-SP
Portuguesa-SP Portuguesa-SP
O time da década de 1950 é considerado por muitos o melhor da Lusa. Além de ter conquistado títulos importantes, também cedeu jogadores para a seleção Brasileira. Depois, em 2011, apelidada de
O time da década de 1950 é considerado por muitos o melhor da Lusa. Além de ter conquistado títulos importantes, também cedeu jogadores para a seleção Brasileira. Depois, em 2011, apelidada de O time da década de 1950 é considerado por muitos o melhor da Lusa. Além de ter conquistado títulos importantes, também cedeu jogadores para a seleção Brasileira. Depois, em 2011, apelidada de
América-RJ
América-RJ América-RJ
Clube que já foi semifinalista do Campeonato Brasileiro de 1986, viveu sua melhor fase justamente na década de 80. Hoje, o clube vive às sombras do que já representou no passado. Em 2023, vai disputar a Série A2 do Carioca.
Clube que já foi semifinalista do Campeonato Brasileiro de 1986, viveu sua melhor fase justamente na década de 80. Hoje, o clube vive às sombras do que já representou no passado. Em 2023, vai disputar a Série A2 do Carioca. Clube que já foi semifinalista do Campeonato Brasileiro de 1986, viveu sua melhor fase justamente na década de 80. Hoje, o clube vive às sombras do que já representou no passado. Em 2023, vai disputar a Série A2 do Carioca.
Bangu
Bangu Bangu
No passado, viveu momentos importantes, principalmente na década de 60, quando enfrentou times pelo mundo e foi campeão doo Torneio dos Campeões de 1967 (invicto), e as conquistas do Campeonato Carioca de 1966 (já havia vencido em 1933). Em 2023, disputou o Carioca e terminou em nono lugar.
No passado, viveu momentos importantes, principalmente na década de 60, quando enfrentou times pelo mundo e foi campeão doo Torneio dos Campeões de 1967 (invicto), e as conquistas do Campeonato Carioca de 1966 (já havia vencido em 1933). Em 2023, dispu... No passado, viveu momentos importantes, principalmente na década de 60, quando enfrentou times pelo mundo e foi campeão doo Torneio dos Campeões de 1967 (invicto), e as conquistas do Campeonato Carioca de 1966 (já havia vencido em 1933). Em 2023, disputou o Carioca e terminou em nono lugar.
Paraná
Paraná Paraná
Em seus dez primeiros anos de vida, o clube precisou de apenas três anos para ir da terceira divisão à elite nacional, na década de 90. Chegou a conquistar seis estaduais - sendo cinco consecutivamente, e o título brasileiro da segunda divisão em 1992 e 2000. Em 2006 conquistou uma inédita classificação para a Libertadores. Em 2023, se prepara para disputar a Segunda Divisão do Paranaense.
Em seus dez primeiros anos de vida, o clube precisou de apenas três anos para ir da terceira divisão à elite nacional, na década de 90. Chegou a conquistar seis estaduais - sendo cinco consecutivamente, e o título brasileiro da segunda divisão em 1992 ... Em seus dez primeiros anos de vida, o clube precisou de apenas três anos para ir da terceira divisão à elite nacional, na década de 90. Chegou a conquistar seis estaduais - sendo cinco consecutivamente, e o título brasileiro da segunda divisão em 1992 e 2000. Em 2006 conquistou uma inédita classificação para a Libertadores. Em 2023, se prepara para disputar a Segunda Divisão do Paranaense.
Santa Cruz
Santa Cruz Santa Cruz
Destaque no cenário nacional nos anos 1970, chegou a ser quarto colocado no Campeonato Brasileiro de 1975. Depois, acabou caindo de patamar década a década. Em 2014 retornou à Série B e, dois anos depois, estava na Série A, mas novamente caiu da A para B, da B para C. Atualmente, está na Série D.
Destaque no cenário nacional nos anos 1970, chegou a ser quarto colocado no Campeonato Brasileiro de 1975. Depois, acabou caindo de patamar década a década. Em 2014 retornou à Série B e, dois anos depois, estava na Série A, mas novamente caiu da A para... Destaque no cenário nacional nos anos 1970, chegou a ser quarto colocado no Campeonato Brasileiro de 1975. Depois, acabou caindo de patamar década a década. Em 2014 retornou à Série B e, dois anos depois, estava na Série A, mas novamente caiu da A para B, da B para C. Atualmente, está na Série D.
Náutico
Náutico Náutico
Viveu sua melhor fase nos anos 60, quando conquistou o hexacampeonato pernambucano de maneira ininterrupta (1963, 1964, 1965, 1966, 1967 e 1968). Atualmente está na Série C do Brasileiro.
Viveu sua melhor fase nos anos 60, quando conquistou o hexacampeonato pernambucano de maneira ininterrupta (1963, 1964, 1965, 1966, 1967 e 1968). Atualmente está na Série C do Brasileiro. Viveu sua melhor fase nos anos 60, quando conquistou o hexacampeonato pernambucano de maneira ininterrupta (1963, 1964, 1965, 1966, 1967 e 1968). Atualmente está na Série C do Brasileiro.
Figueirense
Figueirense Figueirense
foi durante os anos 90 que encerrou um jejum de 20 anos sem conquistar o Campeonato Catarinense, em 1994. Além disso, conquistou o primeiro título internacional na Copa MERCOSUL, em 1995, e a Copa Santa Catarina, em 1990 e 1996. Em 2012, acabou rebaixado para a Série B do Brasileiro, voltou no ano seguinte, mas acabou rebaixado novamente em 2016 e, em 2021, para a Série C.
foi durante os anos 90 que encerrou um jejum de 20 anos sem conquistar o Campeonato Catarinense, em 1994. Além disso, conquistou o primeiro título internacional na Copa MERCOSUL, em 1995, e a Copa Santa Catarina, em 1990 e 1996. Em 2012, acabou rebaixa... foi durante os anos 90 que encerrou um jejum de 20 anos sem conquistar o Campeonato Catarinense, em 1994. Além disso, conquistou o primeiro título internacional na Copa MERCOSUL, em 1995, e a Copa Santa Catarina, em 1990 e 1996. Em 2012, acabou rebaixado para a Série B do Brasileiro, voltou no ano seguinte, mas acabou rebaixado novamente em 2016 e, em 2021, para a Série C.
Joinville
Joinville Joinville
Após conquistar várias taças estaduais no final dos anos 70 e também anos 80, o time viveu momentos de altos e baixos. Dentre eles, em 2016-2018, quando teve quedas consecutivas da Série A para a B, e B para C do Nacional. E, três anos após jogar a Série A, se via na Série D.
Após conquistar várias taças estaduais no final dos anos 70 e também anos 80, o time viveu momentos de altos e baixos. Dentre eles, em 2016-2018, quando teve quedas consecutivas da Série A para a B, e B para C do Nacional. E, três anos após jogar a Sér... Após conquistar várias taças estaduais no final dos anos 70 e também anos 80, o time viveu momentos de altos e baixos. Dentre eles, em 2016-2018, quando teve quedas consecutivas da Série A para a B, e B para C do Nacional. E, três anos após jogar a Série A, se via na Série D.
Santo André
Santo André Santo André
O time que já foi campeão da Copa do Brasil em 2004 e conquistou o direito de disputar a Libertadores no ano seguinte pela primeira vez, retornou à elite do Brasileirão, em 2008, após 24 anos, mas acabou rebaixado em 2009. Depois viveu uma sequência de rebaixamentos. Em 2011, foi para a Série C, no ano seguinte, Série D. Atualmente, está na elite do Paulistão.
O time que já foi campeão da Copa do Brasil em 2004 e conquistou o direito de disputar a Libertadores no ano seguinte pela primeira vez, retornou à elite do Brasileirão, em 2008, após 24 anos, mas acabou rebaixado em 2009. Depois viveu uma sequência de... O time que já foi campeão da Copa do Brasil em 2004 e conquistou o direito de disputar a Libertadores no ano seguinte pela primeira vez, retornou à elite do Brasileirão, em 2008, após 24 anos, mas acabou rebaixado em 2009. Depois viveu uma sequência de rebaixamentos. Em 2011, foi para a Série C, no ano seguinte, Série D. Atualmente, está na elite do Paulistão.
Grêmio Prudente
Grêmio Prudente Grêmio Prudente
Disputou a Série A3 em 2008 e quase conseuiu um novo acesso. No seguinte, no entanto, foi rebaixado. Em 2011, o clube foi vendido para empresários de Barueri, chamado de Grêmio Barueri. Rebaixado para a Série B do Brasileiro em 2010, para a Série C em 2012 e para a D em 2013, caiu para a Série A2 do Paulista em 2011 e para a A3 em 2014. Na metade de 2019, passou por uma reformulação, mas sem se firmar no futebol nacional.
Disputou a Série A3 em 2008 e quase conseuiu um novo acesso. No seguinte, no entanto, foi rebaixado. Em 2011, o clube foi vendido para empresários de Barueri, chamado de Grêmio Barueri. Rebaixado para a Série B do Brasileiro em 2010, para a Série C em ... Disputou a Série A3 em 2008 e quase conseuiu um novo acesso. No seguinte, no entanto, foi rebaixado. Em 2011, o clube foi vendido para empresários de Barueri, chamado de Grêmio Barueri. Rebaixado para a Série B do Brasileiro em 2010, para a Série C em 2012 e para a D em 2013, caiu para a Série A2 do Paulista em 2011 e para a A3 em 2014. Na metade de 2019, passou por uma reformulação, mas sem se firmar no futebol nacional.
Gama
Gama Gama
Maior campeão de títulos do Distrito Federal, com 12 títulos (1979, 1990, 1994, 1995, 1997, 1998, 1999, 2000, 2001, 2003, 2015, 2019 e 2020), o Gama já foi campeão da Série B do Campeonato Brasileiro, em 1998, mas há muitos anos vive uma situação complicada e, atualmente, apenas disputa o Estadual.
Maior campeão de títulos do Distrito Federal, com 12 títulos (1979, 1990, 1994, 1995, 1997, 1998, 1999, 2000, 2001, 2003, 2015, 2019 e 2020), o Gama já foi campeão da Série B do Campeonato Brasileiro, em 1998, mas há muitos anos vive uma situação compl... Maior campeão de títulos do Distrito Federal, com 12 títulos (1979, 1990, 1994, 1995, 1997, 1998, 1999, 2000, 2001, 2003, 2015, 2019 e 2020), o Gama já foi campeão da Série B do Campeonato Brasileiro, em 1998, mas há muitos anos vive uma situação complicada e, atualmente, apenas disputa o Estadual.
Brasiliense
Brasiliense Brasiliense
Segundo maior campeão do Distrito Federal, com 11 taças (2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2011, 2013, 2017, 2021, 2022), vive má fase no cenário nacional há anos, assim como seu rival Gama. Foi campeão da Série B em 2004 e da Série C em 2002. Em competições nacionais, sua última melhor colocação foi na Copa do Brasil de 2007, quando ficou em terceiro lugar.
Segundo maior campeão do Distrito Federal, com 11 taças (2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2011, 2013, 2017, 2021, 2022), vive má fase no cenário nacional há anos, assim como seu rival Gama. Foi campeão da Série B em 2004 e da Série C em 2002. Em com... Segundo maior campeão do Distrito Federal, com 11 taças (2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2011, 2013, 2017, 2021, 2022), vive má fase no cenário nacional há anos, assim como seu rival Gama. Foi campeão da Série B em 2004 e da Série C em 2002. Em competições nacionais, sua última melhor colocação foi na Copa do Brasil de 2007, quando ficou em terceiro lugar.
América-RN
América-RN América-RN
Fez boa apresentação no Brasileiro de 1997 e, 1998, até tentou, mas não conseguiu continuar na elite do futebol nacional e acabou rebaixado. Na Copa do Brasil de 2000, o América chegou as fases finais pela primeira vez. Depois, foi da Série C para a A em apenas dois anos (2005 e 2006), mas depois viveu novas crises e não se firmou mais no cenário nacional.
Fez boa apresentação no Brasileiro de 1997 e, 1998, até tentou, mas não conseguiu continuar na elite do futebol nacional e acabou rebaixado. Na Copa do Brasil de 2000, o América chegou as fases finais pela primeira vez. Depois, foi da Série C para a A ... Fez boa apresentação no Brasileiro de 1997 e, 1998, até tentou, mas não conseguiu continuar na elite do futebol nacional e acabou rebaixado. Na Copa do Brasil de 2000, o América chegou as fases finais pela primeira vez. Depois, foi da Série C para a A em apenas dois anos (2005 e 2006), mas depois viveu novas crises e não se firmou mais no cenário nacional.
Ipatinga
Ipatinga Ipatinga
A ascensão do Ipatinga foi rápida: em 2005, sete anos após sua fundação, foi campeão mineiro, superando os tradicionais América, Atlético e Cruzeiro. Em 2006, eliminou Botafogo e Santos e chegou às semifinais da Copa do Brasil. No ano seguinte, conseguiu acesso à Série A do Brasileiro, mas em 2011, já em altos e baixos, acabou rebaizado para a Série C. Passou por uma reestruturação, mas ainda longe de voltar a aparecer no cenário nacional.
A ascensão do Ipatinga foi rápida: em 2005, sete anos após sua fundação, foi campeão mineiro, superando os tradicionais América, Atlético e Cruzeiro. Em 2006, eliminou Botafogo e Santos e chegou às semifinais da Copa do Brasil. No ano seguinte, consegu... A ascensão do Ipatinga foi rápida: em 2005, sete anos após sua fundação, foi campeão mineiro, superando os tradicionais América, Atlético e Cruzeiro. Em 2006, eliminou Botafogo e Santos e chegou às semifinais da Copa do Brasil. No ano seguinte, conseguiu acesso à Série A do Brasileiro, mas em 2011, já em altos e baixos, acabou rebaizado para a Série C. Passou por uma reestruturação, mas ainda longe de voltar a aparecer no cenário nacional.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.