Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Sand Series Brasília de Beach Tennis é opção de lazer no fim de semana no Distrito Federal

Maior evento oficial da modalidade no mundo, torneio está sendo realizado nas quadras da PlayTennis, centro esportivo localizado na...

Lance

Lance|Do R7


Lance
Thales Santos e Allan Oliveira / Crédito: Marcello Zambrana

O Beach Tennis é opção de lazer para o fim de semana no Distrito Federal. Com jogos reunindo os melhores atletas do mundo e muitas atrações para o público, o ITF Sand Series Brasília Classic Decathlon’23, apresentado pelo Banco BRB, está sendo realizado nas quadras da PlayTennis, centro esportivo localizado na Arena BRB BSB.

Em um espaço de mais de 10 mil m², especialmente montado para o torneio, o torneio traz, além das partidas, áreas de relacionamento e entretenimento exclusivas, Boulevard com grandes marcas, ativações com diversos brindes e a realização de ações sociais, ambientais e de fomento ao esporte. A expectativa é da presença de um total de 12 mil pessoas ao longo do evento, que está movimentando a capital do País desde a quarta-feira (14).

A programação deste sábado (17) começa às 10h, com a realização das semifinais da chave principal profissional, no masculino e no feminino. A partir das 18h30 serão definidos os campeões em Duplas Femininas e Duplas Masculinas. As semifinais e finais contarão com transmissão da ESPN Brasil 4, Star Plus e Programa Play BT - Youtube. No domingo (18), com início às 8h, encerrando o evento, será a vez das categorias amadoras decidirem os títulos de 2023. Os ingressos estão sendo vendidos pela plataforma www.bilheteriadigital.com.

O ITF Sand Series Brasília Classic Decathlon’23 é o maior evento oficial de Beach Tennis do mundo. O torneio conta com um total de 700 atletas inscritos, vindos de 13 países: Argentina, Brasil, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Itália, Japão, Letônia, Porto Rico, Portugal, Rússia e Venezuela.

Publicidade

É a terceira edição do evento - um dos quatro torneios do calendário considerados como Grand Slam da modalidade -, que tem chancela da Confederação Brasileira de Tênis (CBT) e da International Tennis Federation (ITF), com premiação total de U$ 50 mil (cerca de R$ 245.000,00).

Classificados para as quartas de final – Nesta sexta-feira (16), a programação começou com os jogos válidos pelas oitavas de final da chave principal, definindo os classificados para as quartas de final, que serão realizadas ainda nesta sexta-feira à noite e terão também transmissão da ESPN Brasil 4, Star Plus e Programa Play BT - Youtube. 

Publicidade

No masculino, os atuais campeões, o italiano Michele Cappelletti e o espanhol Antomi Ramos, melhor dupla do mundo e cabeças de chave 1 do torneio, enfrentaram um difícil primeiro set para chegar às quartas: 7/6 e 6/3 diante dos brasileiros Flavio Arouca e Cesar Dojas. Já os cabeças 2, o francês Nicolas Gianotti e o italiano Mattia Spoto, venceram os brasileiros Giovanni Cariani e Gustavo Russo por 6/1 e 6/2.

Os vice-campeões de 2022, o brasileiro André Baran e o russo Nikita Burmakin, cabeças 3, avançaram ao derrotar os italianos Luca Brasini e Filippo Buccioli por 6/3 e 6/2. A dupla brasileira Fabrício Neis e Daniel Schmitt venceu mais uma. Depois de passar pelos cabeças 4, os italianos Doriano Beccaccioli e Tommaso Giovannini, na primeira rodada, eliminou os também brasileiros Lauro Carneiro e Diogo Chaves: 7/5, 4/6 e 10-8. E a parceria formada por Allan Oliveira e Thales Santos (cabeças 6) ganhou de Gustavo Ribeiro e Julio Testa, de virada: 6/7, 6/2 e 10-7.

Publicidade

O brasileiro Daniel Mola, jogando com o italiano Marco Garavini, surpreendeu os cabeças 5, Maksimilians Andersons, da Letônia, e Mathieu Guegano, da França, marcando 3/6, 6/2 e 10-8, de virada. E outra dupla Brasil/Itália, Victor Amorim e Federico Galeazzi, eliminou os cabeças 7, os venezuelanos Ramon Guedez e Carlos Vigon: 6/4 e 6/3. Os cabeças 8, Theo Irigaray, da França, e Aksel Samardzic, de Aruba, venceram os brasileiros Leonardo Garrossino e Airton Macedo por 6/4, 4/6 e 10-3.

Patty e Rafa vencem - No feminino, as cabeças de chave número 1, a venezuela Patty Diaz e a brasileira Rafa Miiller confirmaram o favoritismo com uma fácil vitória diante da dupla brasileira Chanalise Bergamin e Laura Pimenta: 6/0 e 6/1. Quem também garantiu vaga nas quartas de final foram as italianas Flaminia Daina e Nicole Nobile, cabeças 2: 6/2 e 6/3 nas brasileiras Camila Gouvea e Cindy Stedile.

Já as cabeças 3, as brasileiras Sophia Chow e Vitória Marchezini avançaram no torneio vencendo Helena Andrade e Flavia Veronesi (Brasil) por 6/0 e 6/1, assim como as cabeças 6, Julia Nogueira e Marcela Vita - 6/2 e 6/1 em Eri Homma e Erina Otsuka (Japão) -, as cabeças 7, Joana Cortez e Raquel Iotte - 6/0 e 6/2 em Marilia Camara e Flavia Muniz (Brasil) -, e as cabeças 8, Samantha Barijan e Isabela Garrido - 6/3 e 6/3 em Brunella Paiva (Brasil) e Maria Tavares (Portugal).

Sofia Cimatti, da Itália, e Eva Palos, da Espanha, cabeças 4, passaram às quartas vencendo Fernanda Primo e Isabelle Vechi (Brasil) por 6/1 e 6/1. Já Lorena Melo, do Brasil, jogando com a italiana Giulia Trippa, se classificou ganhando das venezuelanas Gabriela Anzola e Andrea Colavita por 6/2, 6/7 e 11-9.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.