Rugby: Inglaterra e África do Sul reeditam decisão do Mundial de 2007

Ingleses e sul-africanos fazem duelo pela segunda vez na história. Na ocasião, Boks faturaram o bicampeonato, enquanto vermelhos e brancos amargam o vice na competição

Lance

Lance

Lance

Em toda história do rugby, Inglaterra e África do Sul fazem pela segunda vez a final da Copa do Mundo. Neste sábado, em Yokohama, no Japão, as equipes irão reeditar a disputa de 2007, quando os sul-africanos se sagraram bicampeões do mundo. Os Boks lutam pela invencibilidade, enquanto os ingleses chegam à sua quarta final e buscam o bicampeonato, já que em 2003 faturaram a taça. Vai sobrar emoção para o duelo!

Em 2007, a situação era exatamente a oposta: os Boks voavam e chegaram como favoritos. Do outro lado, os vermelhos e brancos tinham alguns problemas, mas conseguiu chegar à decisão. Além da agressividade, a partida também gerou polêmica por causa do try não confirmado de Mark Cueto, dos ingleses.

Nesta temporada, a Inglaterra chega invicta na final. Do outro lado, a África do Sul pode ser campeão mesmo sem a invencibilidade, algo que nunca aconteceu antes na história. Os sul-africanos perderam na estreia contra a Nova Zelândia.

Rugby - Inglaterra x Tonga

Rugby - Inglaterra x Tonga

Lance

Inglaterra pode faturar bicampeonato (Foto: WILLIAM WEST / AFP)

O retrospecto recente é favorável aos ingleses, que venceram três dos últimos cinco confrontos. Em 2018, as equipes duelaram quatro vezes, sendo duas vitórias para cada lado. A África do Sul venceu dois jogos em casa em junho, entretanto, amargou o último para os ingleses.

Em toda história do rugby, Inglaterra e África do Sul fizeram 42 jogos. Com 25 vitórias para os sul-africanos, 15 para os ingleses e dois placares ficaram igualados. A última partida, que foi amistosa, terminou com o triunfo para os vermelhos e brancos por 12 a 11.

O técnico da Inglaterra, Eddie Jones, deve manter o mesmo time em que derrotou a Nova Zelândia por 19 a 7, na semifinal. Rassie Erasmuns, da África do Sul, fará uma alteração certa: Cheslin Kolbe retorna de lesão e está confirmado para a decisão. Pelas semifinais, os Springboks passaram pelo País de Gales, em partida intensa, que terminou 19 a 16.

Se a Inglaterra vencer, será sua segunda conquista e se juntará a Austrália e à própria África do Sul. Caso os Boks vencerem, vão para seu terceiro título mundial, se juntando a Nova Zelândia. Vale ressaltar que os Boks só começaram a disputar Copas do Mundo em 1995, o que significa que tem tantos títulos quanto os All Blacks e que podem agora ultrapassar os arquirrivais.