Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Robson Conceição demonstra confiança antes de luta por título: 'Pronto para surpreender'

Brasileiro vai lutar pelo título do peso-super-pena do WBC

Lance

Lance|Do R7


Imagem da notícia

Robson Conceição retorna aos ringues para encarar O'Shaquie Foster, pelo título do peso-super-pena do Conselho Mundial de Boxe (WBC), neste sábado (6), em Newark, nos Estados Unidos. Em entrevista ao Combate, o campeão olímpico de 2016 demonstrou confiança para sair do evento como campeão.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

- Eu já estava me preparando pra isso há muito tempo. Eu já tive três grandes chances atrás, já havia me preparado. Tentaram me pegar de surpresa nas quatro vezes. 'Robson tá pronto? Pode lutar em tal data com tal atleta?'. Nunca dissemos não. Sempre: 'Sim, estamos prontos. Tô preparado, tô treinando'. E essa luta também não foi uma surpresa porque o meu foco já era esse desde a última com o (Emanuel) Navarrete - inicou Robson, que falou sobre a oportunidade que recebeu pelo título mundial.

➡️ Alex Poatan dá nocaute espetacular e mantém o cinturão no UFC 303

Publicidade

- Hoje eu sou o segundo da WBC. Então a minha meta era me tornar o primeiro pra ser um desafiante obrigatório. Porém, eu lutei, lutei muito bem. Não subi pro primeiro, mas sou o segundo, mas graças ao meu trabalho, meu desempenho, minha equipe, que trabalhamos muito duro, ficamos aptos a disputar o cinturão mundial em seis de julho. E com certeza tô me preparando bastante. A dedicação, a forma que eu treino muito forte, muito explosiva. E com certeza no dia seis de julho será mais uma grande oportunidade e eu estarei pronto. Estou treinando bastante. Estarei pronto pra representar a nação brasileira e, com fé em Deus, trazer essa conquista -

Essa será a quarta luta de Robson Conceição por um título mundial. Nas outras oportunidades, o brasileiro perdeu dois e empatou um. Ao ser perguntado sobre o resultado, o boxeador afirma que será diferente.

Publicidade

- Não é no nosso tempo, é no tempo de Deus. É no tempo que ele acha que merecemos. Então tenho certeza que esse é o meu momento, é uma grande chance na minha vida. Uma grande oportunidade de eu cumprir a promessa que fiz pra minha filha que eu daria o cinturão de campeão mundial a ela. Assim como foi a primeira, a Sophia, eu prometi que seria campeão olímpico e daria a medalha olímpica pra ela, e o meu maior foco, minha maior motivação é cumprir essa promessa e, com certeza, esse vai ser o grande momento - frisou o brasileiro

- Eu, desde o boxe olímpico, sou um atleta que sou muito forte, muito determinado mentalmente. Eu tive três chances pra me tornar campeão olímpico. Nas duas primeiras eu infelizmente perdi, mas eu tinha uma equipe e tenho até hoje uma equipe que acredita em mim. Minha família, minha vontade de vencer, de ser um campeão mundial, assim como foi de ser campeão olímpico. Isso me torna muito forte. Então o que fica pra trás pra mim fica pra trás. É um grande aprendizado. E eu trato de voltar aqui pra academia pra treinar muito mais forte e, nas próximas, ir melhor fisicamente, mentalmente, tecnicamente e assim eu vou levando a vida - analisou.

Publicidade

Com 22 vitórias e apenas duas derrotas, Foster foi estudado pelo brasileiro, que aposta em um desafio difícil na disputa pelo título, mas que pode ser superado por conta dos duros treinos que fez em busca do cobiçado cinturão.

- O Foster é um adversário que normalmente briga nas duas bases. Usa muito bem os golpes retos, mas eu creio que comigo ele não vai conseguir usar, pois estou treinando muito bem pra isso. Será uma luta difícil, mas não impossível de vencer. Estou me dedicando, treinando muito e com certeza estarei pronto para surpreender a todos

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.