Lance Retrospectiva Vasco 2018: Maxi López, um trator decisivo

Retrospectiva Vasco 2018: Maxi López, um trator decisivo

Principal contratação do Cruz-Maltino no ano passado, Maxi López é fundamental para permanência na elite do Campeonato Brasileiro: em 19 jogos, sete gols e seis assistências

Principal contratação do Cruz-Maltino no ano passado, Maxi López é fundamental para permanência na elite do Campeonato Brasileiro: em 19 jogos, sete gols e seis assistências


O LANCE! encerra nesta quinta-feira a série especial com a retrospectiva dos jogadores do Vasco de 2018. Apesar de ter sido contratado pelo Cruz-Maltino apenas no segundo semestre do ano passado, Maxi López se firmou como o principal reforço vascaíno da última temporada. Apelidado de trator, ele foi mais do que decisivo no time comandado pelo técnico Alberto Valentim.

Não seria exagero dizer, inclusive, que Maxi López foi o maior responsável pela melhora na reta final do Campeonato Brasileiro, garantindo a permanência na equipe na elite mesmo brigando até a última rodada contra o rebaixamento. O atacante, defendendo o Vasco, jogou 19 vezes, fez sete gols e deu seis assistências, números que impressionam os vascaínos e motivam para uma melhor ano neste 2019.

Em uma das suas últimas entrevistas antes das férias no ano passado, Maxi López analisou a sua importância para o Vasco. A soma de seus gols com as assistências foram fundamentais e esta experiência, diante de um atleta que defendeu clubes importantes ao redor do mundo, como o Barcelona, faz também com que ele ajude todos os companheiros nos jogos do time.

– Eu tento ajudar. Quando era mais novo, alguns jogadores importantes me ensinaram a sempre dar o máximo em campo, e agora tento sempre passar minha experiência para esses garotos. Quero ajudá-los a crescer para que eles possam recolocar o Vasco no lugar que ele merece – afirmou Maxi.

Para 2019, o torcedor do Vasco espera que Maxi López siga decisivo na busca por uma temporada melhor, na briga por títulos e não contra males, como foi no ano passado. Qualidade ele já provou ter!

O ANO DE MAXI LÓPEZ

SOBE - DECISIVO
Maxi López foi o maior responsável pela melhora na reta final do Brasileiro, garantindo a permanência na equipe na elite. O atacante, defendendo o Vasco, jogou 19 vezes, fez sete gols e deu seis assistências, números que impressionam os vascaínos e motivam para uma melhor ano neste 2019.

DESCE - CARTÕES
Uma das poucas reclamações dos torcedores do Vasco sobre Maxi López é o número elevado de cartões que o atacante recebeu ao longo do último ano. Ao todo, em 19 jogos, foram oito cartões amarelos, quase um cartão a cada dois jogos, o que fez desfalcar a equipe em duas oportunidades.