Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Quem sobe e quem desce na Seleção Brasileira após a estreia de Fernando Diniz

Técnico fez seus dois primeiros jogos pelo Brasil e já pôde fazer avaliações dos atletas

Lance

Lance|Do R7


Lance
Seleção Brasileira conseguiu duas vitórias em dois jogos na Data Fifa com Diniz (Foto: Vitor Silva/CBF)

A Seleção Brasileira passou pela Data Fifa com dois jogos e duas vitórias, mas mais importante do que isso foi a estreia de Fernando Diniz, que apresentou seu cartão de visitas, somou seis pontos nas Eliminatórias e terá uma gama de avaliações para fazer com os jogadores com os quais trabalhou no período de menos de dez dias. Assim, o Lance! faz uma lista de quem pode ter ganhado e quem pode ter perdido pontos pelo prisma do treinador.

+ Veja tabela e classificação do Brasileirão-2023 clicando aqui

QUEM SOBE

- Neymar

Publicidade

Muita gente torceu o nariz quando o nome do camisa 10 foi anunciado na primeira convocação de Diniz, mas certamente se arrependeu quando vi a atuação diante da Bolívia, na qual ele se tornou o maior artilheiro da história da Amarelinha. Contra o Peru, o desempenho foi abaixo, mas foi bem nítido o quanto Ney buscou o jogo e se empenhou em entender o sistema de jogo.

+ Já pensou em ser um gestor de futebol? Participe da nossa Masterclass com Felipe Ximenes e descubra oportunidades

Publicidade

- Gabriel Magalhães

Por ter sido usado nos dois jogos, parece claro que será ele o companheiro de zaga de Marquinhos, que é o titular absoluto. Apesar de um vacilo ou outro diante da Bolívia, ele não comprometeu e teve atuações corretas, o que deve firmá-lo na posição e na cabeça de Diniz.

- Bruno Guimarães

Esse era bola cantada. Por ser um pupilo de Diniz e com características que casam muito bem com o jogo do treinador, parecia óbvio que ele seria titular. Mesmo que não tenha feito um grande jogo diante do Peru, ele é homem de confiança da comissão técnica e ganhou pontos na Data Fifa.

- Ederson

Para quem era reserva, iniciar a nova fase como titular, é sinal de que está em alta com Diniz. Além de ser bom com os pés e se adaptar facilmente ao que o técnico pede, não comprometeu em seu papel principal. Ou seja, deve continuar na meta brasileira.

+ ATUAÇÕES: Neymar e Marquinhos são decisivos, e Martinelli entra bem na vitória da Seleção

- Raphinha

Ele não estava na lista inicial e entrou após o corte de Vini Jr., no entanto parece que isso deverá mudar na próxima convocação. Depois de um grande jogo contra a Bolívia, com três participações em gols, e de destaque diante do Peru, dos poucos que foi bem, ele sobe de patamar com Diniz.

QUEM DESCE

- "Brasileiros"

Os torcedores de Botafogo, Fluminense e Palmeiras, que esperavam ver um pouco de seus selecionáveis nesta Data Fifa, se decepcionaram. É verdade que Raphael Veiga jogou, mas foram alguns minutos e pouco tocou na bola. André e Nino nem entraram, e Lucas Perri foi o terceiro goleiro (não jogar é normal). Não significa que não serão chamados de novo, mas não foram prioridade do treinador.

+ Neymar atinge mais uma marca histórica pela Seleção Brasileira

- Casemiro

Sua qualidade é inegável e o que pode entregar é imensurável, mas pareceu que ele teve uma certa dificuldade de se encaixar no esquema de Fernando Diniz. É verdade que o volante tem a confiança do treinador, mas pelo que se espera de um jogador desse nível, acabou ficando abaixo.

- Renan Lodi

Não é exagero dizer que ele foi o ponto fraco desses dois jogos. Foi pela lateral esquerda que alguns vacilos defensivos acabaram acontecendo, além de os apoios não terem sido dentro daquilo que o esquema de Diniz pede. Será um posição que pode sofrer alterações na próxima Data Fifa.

+ Diniz vê ‘saldo positivo’, mas culpa o gramado por erros técnicos da Seleção em vitória sobre o Peru

- Richarlison

Não vive uma boa fase no clube e na Seleção, mas recebeu um voto de confiança de Fernando Diniz. Apesar disso, acabou não correspondendo. Diante do Peru, apesar do gol anulado, praticamente não apareceu para jogar, assim como já havia destoado na goleada sobre o Peru. É possível que sua titularidade esteja em risco para a próxima Data Fifa.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.