Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Presidente do Fortaleza projeta duelo com o Palmeiras na Copa do Brasil: 'Favoritismo é deles'

Marcelo Paz destacou gestão com profissionalização e governança para explicar o momento atual do time cearense

Lance|

O Fortaleza volta a São Paulo, desta vez para encarar o Palmeiras, no Allianz Parque, nesta quarta-feira (17), pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil. Recentemente, o clube esteve na capital e empatou em 1 a 1 com o Corinthians, na Neo Química Arena, mas pelo Campeonato Brasileiro. O presidente do time cearense, Marcelo Paz, deixou o favoritismo na conta do Alviverde e comentou o trabalho feito em seu clube.

+ Veja tabela da Copa do Brasil-2023 clicando aqui

Toda vez que sai de Fortaleza, Marcelo Paz é elogiado por torcedores de outros times e até mesmo jornalistas pela forma como vem conduzindo o Leão. Nos últimos anos, o clube tornou-se referência no mercado com resultados dentro e fora de campo (ver números abaixo) e enaltecido pela boa gestão.

- Esse reconhecimento do trabalho atual é reflexo do que foi feito há muitos anos, passo a passo, tratando tudo sempre com profissionalização e governança, sequência de trabalho de treinador e junção com o torcedor. A nossa torcida é muito importante neste processo. O Fortaleza hoje tem essa referência, sobretudo na área de gestão. Do ponto esportivo, em nível regional, temos tido bons resultados, começando a participar de competições sul-americanas, gradativamente buscando espaços maiores na Série A, em um cenário de competidores muito fortes, mas é um reconhecimento que nos deixa felizes, em saber que estamos no caminho certo, mas que é preciso cuidar. Futebol não dá para cochilar e achar que já chegou, é preciso estar toda hora se provando - explicou.

Publicidade

Para se ter uma ideia desse sucesso, nos últimos cinco anos, o Fortaleza aumentou a sua receita em mais de 1.100%. Em 2017, no início da gestão do atual presidente Marcelo Paz, temporada em que o Leão disputava a Série C, o faturamento foi de R$ 24 milhões. Já em 2022, com o clube consolidado na elite do futebol brasileiro, este número saltou para mais de R$ 267 milhões.

A receita operacional bruta alcançada no ano passado, inclusive, foi a maior da história do Nordeste. Nunca um clube nordestino chegou a faturar R$ 267.851.201,44. O valor superou as próprias expectativas do Fortaleza, que projetava R$ 141 milhões no orçamento.

Publicidade

Além desse eficiente trabalho de administração e gestão do clube como um todo, os resultados dentro de campo contribuíram muito para esse sucesso. Na temporada de 2021, por exemplo, o Fortaleza terminou na quarta colocação do Campeonato Brasileiro, o que permitiu uma vaga direta na Copa Libertadores da América, feito inédito na história do clube. No mesmo ano, a equipe também foi semifinalista da Copa do Brasil.

Em 2022, o Tricolor avançou da primeira da Libertadores e disputou as oitavas de finais do torneio, outra façanha inédita. Desde o acesso para a primeira divisão, em 2018, a equipe disputa a elite do futebol brasileiro pelo quinto ano consecutivo. Nos últimos cinco anos, o time também consolidou uma hegemonia regional. Foram cinco títulos consecutivos do Campeonato Cearense e duas Copas do Nordeste.

Publicidade

No ano passado, o clube anunciou que a dívida com a Justiça do Trabalho havia sido zerada. Em 2017, ano em que Marcelo Paz assumiu a presidência do Leão, o déficit era de R$ 5 milhões.

Para o duelo com o Verdão, no Allianz Parque, é preciso dizer que as duas equipes são as duas únicas invictas no Campeonato Brasileiro.

- É interessante o confronto entre duas equipes que estão invictas na Série A, embora seja um recorte não tão grande, mas já são seis jogos. O Palmeiras com um aproveitamento melhor, mas nós consideramos o nosso aproveitando bom, e é curioso que os dois se enfrentem agora - apontou Paz.

Marcelo Paz mantém a humildade e indica que o Palmeiras é favorito no confronto, apesar de considerar o bom momento de seu plantel na temporada.

- O favoritismo é do Palmeiras, pela grandeza, pelas ambições deles que são de títulos muito grandes, então tem essas similaridades. Mas nós sabemos que tem também uma certa distância que iremos tentar diminuir, em campo, com estratégia, com garra, com entrega e com inteligência para, quem sabe, fazer um ótimo confronto.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.