Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Presidente do América-MG se revolta com a arbitragem e dispara: 'Operação Salva-Vasco'

Marcus Salum se pronuncia após a derrota do Coelho para o Cruz-Maltino

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Lance

O presidente do América-MG, Marcus Salum, ficou revoltado com a arbitragem, na derrota para o Vasco, por 1 a 0, no Independência. O dirigente se pronunciou após a partida e insinuou que existe uma operação para salvar o Vasco do rebaixamento.

- Tenho mais de 30 anos no futebol. Vivi por muitos anos o que está acontecendo aqui. Nos últimos quatro cinco anos, passou a ser equilibrado com decisões do VAR, para todos os lados. Mas hoje, vimos a Operação Salva-Vasco. A camisa pesa de novo no futebol brasileiro. Foi uma vergonha o que foi feito com o América. Nem prestam atenção quando vamos reclamar. O critério não é igual.

+ Confira a classificação do Brasileirão

Salum, que no apito final chamou o árbitro Ramon Abatti Abel de "safado e ladrão", reclamou da expulsão do zagueiro Iago Maidana, que levou cartão vermelho, após atingir uma cotovelada em Vegetti. O presidente do América-MG também viu irregularidade no gol do Vasco.

Publicidade

- Na expulsão, o Maidana entrou na bola e caiu sobre o jogador, mas foi expulso. O América amassou o Vasco, o goleiro foi a melhor figura. É só ir no VAR e olhar o gol do Vasco. Antes do gol, nosso goleiro sofreu uma falta com sola. O árbitro disse que não era para expulsão. Se não era expulsão, pelo menos era falta, para anular o gol - afirmou Salum, que completou.

+ Garanta a sua vaga no curso que formou craques como Pet, Dante e Léo Moura! Cupom: LANCE1000

Publicidade

- Infelizmente, vou dizer a alguns times que estão sofrendo: a camisa pesa, de novo, no futebol brasileiro. É uma vergonha. É duro ver os jogadores chorando. Jogamos muito mais que o Vasco. No primeiro tempo, não deram um chute no gol. Está uma vergonha. Vamos luta até o fim, mas se deixarem, porque todo jogo é a mesma coisa."

Além de Marcus Salum, o capitão do América-MG, Juninho, também fez insinuações de que o Vasco estaria sendo ajudado para evitar o rebaixamento. Com a derrota, o Coelho segue na penúltima colocação, com 17 pontos, 9 a menos que o Goiás, o 16º colocado.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.