Possibilidade de deixar o Vitória é rechaçada por Carleto: 'Em nenhum momento pensei em sair'

Lateral-esquerdo do time Rubro-Negro pontuou que equipe reúne condições de buscar o retorno a elite via Série B do Brasileirão

Lance

Lance

Lance

O lateral-esquerdo Thiago Carleto foi bastante incisivo em palavras reproduzidas pelo diário 'Correio' quando questionado sobre a possibilidade de deixar o Vitória também pensando nos insucessos da equipe principalmente na Copa do Nordeste e pelo Baianão.

Para ele, essas especulações em nada correspondem a realidade pelo simples fato de que ele jamais foi diretamente contatado para tratar de alguma proposta para sair do Nego. Agregando, aliás, que agradece caso efetivamente exista o interesse de alguma equipe que ainda não se manifestou na direção de abordá-lo de maneira direta:

- Vou deixar uma coisa bem clara. Quem fez, quem está fazendo (especulação), sou jogador do Vitória. Se teve alguma especulação, não chegou nada até mim. Muito torcedor mandando mensagem, dizendo fica. Aí acontecem duas eliminações e vem mensagem de torcedor falando que eu quero sair. Gente, estou único e exclusivamente focado no Vitória. Em nenhum momento pensei em sair. Minha família está bem aqui, não vai ser dinheiro, nada que vai me tirar do Vitória. Eu completei 31 anos, sei o que quero da minha vida, já sofri demais no futebol, assim como também errei e acertei muito. Vou deixar muito claro para todo mundo que está especulando, imprensa que está colocando isso, se há interesse, agradeço de coração. Mas a mim não chegou nada.

No próximo sábado (8) às 19h no Barradão, a trajetória do Vitória na Série B começará com o Leão da Barra duelando com o Sampaio Corrêa em competição.

Pensando nessa meta, Carleto enxerga potencial no plantel de Bruno Pivetti para buscar o tão almejado acesso. Mesmo levando em consideração todas as dificuldades agravadas por conta da paralisação forçada da pandemia.

- A gente sabe que o grande objetivo do clube esse ano é brigar pelo acesso, pelo título. Começamos o ano com esse pensamento, tivemos essa paralisação [por causa da pandemia do coronavírus], voltamos e o pensamento continua. A gente sabe da dificuldade do clube - hoje, muito menos perto daquilo de quando cheguei. Mas ninguém aqui pode esconder que o grande objetivo é subir para a Série A. Acho que hoje estamos preparados - disse o lateral.