Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Por onde andam os heróis da Espanha na Eurocopa de 2008?

Fúria bateu a Alemanha na decisão continental há 16 anos, e busca inspiração para novo confronto nesta sexta (5)

Lance

Lance|Do R7


Imagem da notícia

A Espanha de Luis de la Fuente vai em busca de uma vaga nas semifinais da Eurocopa nesta sexta-feira (5), diante da Alemanha. O embate entre duas das melhores seleções do continente, porém, já foi decisão da competição há um tempo não tão distante.

➡️ Espanha x Alemanha: onde assistir ao vivo, horário e prováveis escalações do jogo pela Eurocopa

➡️ Reestruturação de Espanha e Alemanha justifica ótima campanha da dupla na Eurocopa

Em 2008, uma Fúria desacreditada e que encarava um jejum de mais de quatro décadas buscava a conquista. Ali, estava de frente com uma geração consagrada da Mannschaft, mas que também vinha de momentos de decepção na Copa do Mundo.

Publicidade

Em uma partida muito truncada, os comandados do eterno Luis Aragonés venceram com gol de Fernando Torres, aos 33 minutos do primeiro tempo, aproveitando erro de comunicação da defesa adversária. O gol e a ótima temporada fariam de El Niño o terceiro melhor jogador do mundo naquele ano, atrás apenas de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi.

Desde a conquista, espanhóis viveram altos e baixos. Entre a Copa do Mundo vencida na África do Sul - inclusive vencendo a Alemanha na semifinal - e decepções nas grandes competições de 2014 para a frente, sempre há uma grande nostalgia pelo futebol jogado à época.

Publicidade

➡️ Tudo sobre os maiores times e as grandes estrelas do futebol no mundo afora agora no WhatsApp. Siga o nosso canal Lance! Futebol Internacional

Baseado nos brilhantes elencos de Real Madrid e Barcelona, construiu-se uma seleção que não volta mais. Atualmente, apenas seis atletas entre os 23 campeões em Viena estão jogando profissionalmente. Confira quais são:

Publicidade

Sergio Ramos: 38 anos - sem clube - deixou o Sevilla ao final de 2023-24
Andrés Iniesta: 40 anos - Emirates SC
Pepe Reina: 41 anos - sem clube - deixou o Villarreal ao final de 2023-24
Raúl Albiol: 38 anos - sem clube - deixou o Villarreal ao final de 2023-24
Santi Cazorla: 39 anos - Real Oviedo
Dani Güiza: 43 anos - UD Roteña-ESP

Os demais 17 jogadores já penduraram suas chuteiras:

⚽ Carlos Marchena
⚽ Carles Puyol
⚽ Joan Capdevila
⚽ Marcos Senna
⚽ David Silva
⚽ Iker Casillas
⚽ Xavi Hernández
⚽ Cesc Fàbregas
⚽ Fernando Torres
⚽ Andrés Palop
⚽ Álvaro Arbeloa
⚽ Juanito
⚽ Fernando Navarro
⚽ Xabi Alonso
⚽ Rúben de la Red
⚽ David Villa
⚽ Sergio García

Alguns deles, inclusive, investiram em carreiras como treinadores. Xabi Alonso encantou a Europa em trabalho assombroso com o Bayer Leverkusen da dobradinha alemã; Xavi conduziu o Barcelona ao título de La Liga em 2022-23; e Fàbregas elevou o Como à primeira divisão do futebol italiano.

Luis Aragonés, técnico da histórica conquista no Velho Continente, faleceu em fevereiro de 2014. Como jogador, foi ídolo do Atlético de Madrid, e à beira do campo, decidiu sair da Espanha após o título, deixando o alicerce que seria ainda melhorado por Vicente del Bosque na sequência.

👊 ÍDOLOS EM COLISÃO
Fernando Torres e Álvaro Arbeloa
, comandando as bases de Atlético de Madrid e Real Madrid, se envolveram em um entrevero recente. Em um clássico na categoria sub-19, realizado em maio de 2023 e que terminou com classificação merengue na Copa dos Campeões, o clima esquentou entre os jogadores das duas equipes, e levou os dois campeões europeus, ex-companheiros de Liverpool, a discutirem e trocarem empurrões na beira do gramado.

O autor do gol do título de 2008 acabou sendo expulso, e chamou torcedores madridistas que o provocavam na arquibancada de Valdebebas para a briga, precisando ser contigo pelo staff colchonero. Nos dérbis seguintes, Torres levou a melhor sobre Arbeloa, mas os dois seguiram sem se falar por quase um ano, fazendo as pazes apenas em março deste ano. No último Campeonato Espanhol da categoria, a dupla protagonizou a briga pelo título, com El Niño levando a melhor em campanha histórica pelo Atleti.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.