Perto de voltar ao Palmeiras, Fabiano tem sido titular na zaga em Portugal

Emprestado ao Boavista até o meio deste ano, o palmeirense deve voltar ao clube após o término do vínculo na equipe portuguesa. Por lá ele tem jogado frequentemente na zaga

Lance

Lance

Lance

Nos próximos meses o Palmeiras pode ter o retorno de um velho conhecido: o lateral Fabiano, que está empresta do Boavista, de Portugal. Com contrato por lá até o meio deste ano, o jogador deve voltar ao Brasil e pode ser reintegrado ao elenco. Ele tem em sua passagem pelo futebol europeu um bom motivo para agradar os integrantes da comissão técnica de Vanderlei Luxemburgo.

E uma novidade de Fabiano em Portugal é sua posição. No Boavista ele tem jogado mais como um zagueiro do que como um lateral, setor em que ficou conhecido. Na temporada 2019/2020 ele fez 11 partidas atuando na zaga, todas como titular. E em um desses jogos deu uma assistência em vitória sobre o Braga por 2 a 0, pelo Campeonato Português.

Fabiano também jogou como lateral-direito. Foram sete jogos oficiais, sendo seis deles como titular e um saindo do banco de reservas. Nessa situação, ele também contribuiu com uma assistência na vitória por 2 a 1 sobre o Santa Clara, na Liga de Portugal, competição na qual o Boavista ocupa o 11º lugar.

O polivalente jogador ainda atuou em outras posições: duas partidas como meio-campista pelo lado direito e uma partida como primeiro volante. Os três jogos foram como titular. Em outras palavras, Fabiano tem sido usado em praticamente todas as funções do meio-campo para trás, o que pode ser um ganho de experiência que tende a funcionar a favor de sua reintegração.

Outro fator que pode facilitar sua utilização é o desejo do clube por um lateral-direito, mesmo com Marcos Rocha e Mayke no elenco. O clube tem interesse no colombiano Daniel Muñoz, do Atlético Nacional-COL, mas o negócio não é simples e deve se tornar ainda mais complicado após a pandemia de coronavírus. Sendo assim, Fabiano pode ser uma opção mais fácil e mais barata, que ainda tem condições de oferecer versatilidade.

Fabiano está no Palmeiras desde maio de 2016, quando chegou por empréstimo. No final do mesmo ano, após marcar o gol que confirmou o título brasileiro daquele ano, foi comprado em definitivo. No entanto, acabou perdendo espaço ao longo de 2017 e em 2018 foi emprestado ao Internacional. Retornou em 2019, mas não foi aproveitado e acabou cedido de novo, dessa vez ao Boavista. Seu contrato com o Verdão vai até dezembro de 2021.