Osaka perde posições no ranking da WTA

Bia Maia e Pedretti sobem

Lance
Lance

Lance

Lance

Em novo ranking divulgado nesta segunda-feira, Naomi Osaka foi a que pior se deu na tabela da WTA, a Associação das Tenistas Profissionais. Ela perdeu três posições e caiu para o oitavo posto após descartar 470 pontos do WTA de Tóquio, no Japão, de 2019.

Ashleigh Barty segue na liderança com Aryna Sabalenka em segundo, Karolina Pliskova em terceiro e Elina Svitolina em quarto. A campeã de Roland Garros, a tcheca Barbora Krejcikova subiu e é a quinta colocada,o melhor ranking, enquanto que a polonesa Iga Swiatek subiu um e é a sexta. Sofia Kenin é a sétima, Garbiñe Muguruza e Petra Kvitova fecham o top 10.

Campeã de Luxemburgo, a dinamarquesa Clara Tauson subiu 18 e é a 52ª. Campeã em Portoroz, a italiana Jasmine Paolini subiu 23 e é a 64ª.

Bia Maia subiu mais dois com a semi em Caldas da Rainha, em Portugal, e é a 122ª. Gabriela Cé caiu um e é a 269ª. Laura Pigossi caiu dois e é a 313ª. Thaisa Pedretti subiu 25 com o título em Ibague, na Colômbia, e é a 470ª.

Últimas