Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Os 11 esquecidos de Fernando Diniz na convocação da Seleção Brasileira

Técnico da Amarelinha fez sua primeira convocação nesta sexta-feira (18) e a lista deixou o povo sentindo a ausência de...

Lance|

Lance
Lance Lance

Nesta sexta-feira (18), Fernando Diniz convocou pela primeira vez a Seleção Brasileira sob o seu comando. A lista não trouxe grandes novidades e acabou decepcionando muita gente que apostava em surpresas como Lucas Perri e Adryelson, do Botafago, neste primeiro momento. Pensando nisso, o LANCE! elaborou uma escalação com jogadores que poderiam ser lembrados, mas foram esquecidos pelo treinador da Amarelinha.

Além da dupla do Fogão, os ausentes da convocação são provenientes do futebol brasileiro e do futebol europeu e, de alguma forma, fariam sentido nessa listagem de estreia de Diniz. Assim, entram também figuras como Vitor Roque, Arthur Cabral e até mesmo Ganso.

Confira a lista abaixo:

Goleiro - Lucas Perri (Botafogo): É o melhor goleiro do Brasileirão e tem a seu a favor a juventude pensando nos próximos anos de Seleção.

Publicidade

Lateral-direito - Samuel Xavier (Fluminense): Tem se destacado no futebol brasileiro e é de uma posição que tem sido problema na Seleção, além disso trabalha com Diniz no Fluminense.

Zagueiro - Adryelson (Botafogo): Outro que é o melhor de sua posição no futebol brasileiro e também teria a seu favor a juventude. Poderia entrar como novidade.

Publicidade

Zagueiro - Robert Renan (Zenit): É um dos melhores de sua geração, se destaca no futebol europeu e fez parte do grupo da pequena passagem de Ramon pela Seleção.

Lateral-esquerdo - Ayrton Lucas (Flamengo): Nesta temporada irregular do Flamengo, é o jogador mais constante e talvez seja o melhor brasileiro da posição. Esteve na última convocação.

Publicidade

Volante - João Gomes (Wolverhampton): Saiu do Brasil como uma grande promessa e hoje já está bem conceituado na principal liga de futebol do mundo. É jovem, poderia entrar na lista pensando no futuro.

Volante - Danilo (Nottingham Forest): Destaque no Palmeiras, foi para a Europa e demorou um pouco a despontar, mas está crescendo de produção e seria uma novidade interessante para próximos anos.

Meia - Ganso (Fluminense): É um oásis em uma posição que praticamente está extinta no futebol brasileiro e trabalha com Diniz, responsável pelo seu "ressurgimento". Na ausência de Paquetá, poderia ser lembrado.

Atacante - Vitor Roque (Athletico-PR): Contratado pelo Barcelona, está em contagem regressiva para deixar o Athletico-PR, mas já é uma realidade no futebol brasileiro. Poderia ter uma chance como novidade na lista.

Atacante - Malcom (Al Hilal): Talvez tenha sido o melhor brasileiro na Europa na última temporada e trocou o Zenit pelo Al-Hilal recentemente. No momento, pode estar em melhor fase do que outros que foram chamados.

Atacante - Arthur Cabral (Benfica): Um dos principais centroavantes brasileiros na Europa, acabou de trocar de clube e poderia fazer parte deste novo momento de renovação da Seleção.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.