Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

OLHAR DO PORCO: Palmeiras e a sua incrível necessidade de produzir vilões

Verdão perdeu a primeira no Brasileirão e a torcida esbravejou nas redes sociais

Lance|

Lance
Lance Lance

O Palmeiras perdeu para o Bahia por 1 a 0 nesta última quarta-feira (21) e deu adeus à invencibilidade no Campeonato Brasileiro 2023. Somando apenas a quarta derrota no ano, o time de Abel Ferreira acumulou erros ofensivos e acabou sendo penalizado nos minutos finais de partida com o gol de Thaciano que praticamente colocou um ponto final no jogo.

+ Veja tabela e classificação do Brasileirão-2023 clicando aqui

Desde que saiu a notícia de que Abel Ferreira iria utilizar Bruno Tabata como titular, muitos torcedores já torceram o nariz para a escolha do técnico alviverde. Rotacionando entre um meia substituindo Raphael Veiga e trocando de posição com Artur na ponta, as melhores jogadas do Palmeiras na primeira etapa surgiram pelo lado da dupla.

Bruno Tabata foi uma contratação pedida por Abel Ferreira no meio da temporada passada e após 31 jogos, ainda não conseguiu devolver o alto investimento que o clube fez nele. Sim, com certeza ele ainda não demonstrou a que veio, mas sigo achando cedo para decretar o seu fim com a camisa alviverde.

Publicidade

Nem acho que a partida de Bruno Tabata ontem na Fonte Nova foi tão ruim assim como alguns torcedores estão pregando nas redes sociais. Em uma noite onde todo o ataque do Palmeiras não funcionou, parece que a torcida o escolheu para jogar toda a culpa do resultado desfavorável.

Também acho que Luís Guilherme poderia ganhar algumas chances como titular e que talvez seja um jogador mais talentoso do que o Tabata, mas me parece que Abel não irá desistir tão fácil assim do camisa 11, ainda mais porque a contratação do meia e-Sporting foi um pedido do próprio português para a diretoria.

Publicidade

Abel Ferreira é um técnico que sempre bateu na tecla de não gostar de individualizar méritos e culpas dentro do jogo. Mestre de um esporte coletivo, o técnico se vê a todo momento tendo que administrar críticas e cobranças (algumas justas outras não), em cima de jogadores que não merecem levar toda responsabilidade ou crédito dentro do contexto de um jogo de 90 minutos.

O elenco do Palmeiras que perdeu apenas um jogo no mês passado e que viu boas peças do banco incomodarem alguns titulares, agora volta a estaca zero para alguns que acham que a diretoria precisa reforçar o elenco urgente caso queira ganhar mais alguma taça nessa temporada.

Publicidade

A nossa eterna bipolaridade que vai substituindo heróis e vilões a cada rodada. As últimas temporadas não ensinaram nada e as discussões entre os nossos sempre parecem se repetir.

Sigo confiando neste elenco para os jogos grandes. Já foram amostras e mais amostras que quando precisa competir, a história é outra.

Domingo tem mais uma e nós estaremos por lá!

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.