Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Nutrição é fundamental tanto para corpo, quanto para mente dos lutadores, afirma nutricionista Juliana Carvalho

Alguns alimentos são capazes até mesmo de evitar problemas com a saúde mental, diz especialista

Lance

Lance|Do R7


Lance
Lutadores de boxe / Crédito: Divulgação

Uma boa alimentação e o acompanhamento de um profissional da área no trabalho de um lutador são fundamentais para a vida saudável. Além disso, a prevenção de doenças e o tratamento delas são outros exemplos dos benefícios que uma refeição balanceada possui.

A nutrição faz parte da vida de todas as pessoas, principalmente da dos atletas. Ela afeta diretamente o corpo e a performance do profissional. Porém, um assunto pouco tratado são os benefícios da nutrição para a saúde mental. O cérebro humano necessita de muita energia e usa uma quantidade considerável das calorias e dos nutrientes que os lutadores ingerem, tanto para compor sua estrutura quanto para desempenhar suas funções. De acordo com a nutricionista Juliana Carvalho, todos os alimentos ingeridos por esses profissionais podem estar relacionados ao cérebro e ao estado emocional.

“A nutrição é mais importante para a saúde do lutador do que eles podem imaginar. Muitas vezes esquecem a importância dela para nosso corpo e, principalmente, para a mente. Há alimentos específicos, como frutas, vegetais e carnes, que mexem exclusivamente com parte do cérebro. Seguir uma dieta saudável traz inúmeros benefícios ao organismo e à mente”, afirmou.

Uma pesquisa divulgada pela revista Nutrients revelou que uma alimentação saudável pode melhorar os sintomas de problemas com a saúde mental e melhorar o sucesso do atleta. A ingestão de frutas e vegetais pode desempenhar um papel potencial como um fator não apenas físico, mas também de bem-estar mental. Já uma dieta não saudável pode arruinar o desempenho do lutador no combate.

“Determinados alimentos, como feijão, nozes e peixes, contribuem para que o lutador não venha a ter transtornos mentais. Isso acontece porque eles possuem nutrientes que ajudam a evitar tais problemas. Os principais deles, que evitam esses distúrbios, são o zinco, a vitamina D e o ômega 3. Portanto, conseguimos perceber que existem comidas que auxiliam na melhora da saúde mental. É fundamental que o lutador tenha conhecimento disso para que seu desempenho não seja influenciado por problemas”, finalizou.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.