Lance No adeus de Lucho dos gramados, Athletico goleia Aucas e avança na Sul-Americana

No adeus de Lucho dos gramados, Athletico goleia Aucas e avança na Sul-Americana

Segundo argentino com mais títulos na história, camisa 3 foi substituído aos três minutos de jogo

Lance
  • Lance | por Lance

Lance

Lance

Lance

O Athletico Paranaense está nas oitavas da Sul-Americana! Nesta quinta-feira (27) o Furacão recebeu o Aucas pela última rodada da competição e não deu sopa pro azar. Com uma partida segura, construiu a goleada, em noite de despedida de Lucho González dos gramados. Aos três minutos, o argentino foi substituído por Christian, que marcou o primeiro gol. Abner e Vitinho completaram o placar.

O sorteio da Sul-Americana acontece na próxima terça-feira (1), mas enquanto isso, o Athletico Paranaense se concentra na estreia do Brasileirão Série A. No domingo (30), recebe o América-MG, às 18h30 (horário de Brasília), na Arena da Baixada.

Um é pouco, dois é bom, três é Lucho!

O Athletico começou a partida em cima e buscando o gol a todo custo. Primeiro tentou um cruzamento que foi afastado e logo depois, Zé Ivaldo cabeceou para o gol, mas sem direção. No minuto 3, Lucho González foi substituído por Christian. A ação foi uma homenagem ao jogador que veste a camisa 3 e que atuou pela última vez como profissional. Lucho é o segundo argentino com mais títulos na história, atrás somente de Lionel Messi.

Mais tarde, Kayser recebeu bola de Vitinho na entrada da área, ajeitou para a canhota e enrolou para finalizar, quando bateu, foi mascado pela defesa. Logo depois, Khellven recebeu na direita, tentou cruzamento, mas foi fechado e quase matou o goleiro Lara, que se recuperou e fez a defesa.

Água mole em pedra dura, tanto bate, até que fura

Os donos da casa ficaram todo o tempo no campo do adversário e era uma questão de tempo abrir o marcador. Aos 25', Nikão puxou a bola pela direita e cruzou na medida para Christian invadir a área e acertar um chute colocado, balançando as redes.

O Furacão continuou martelando e Nikão fechou pela direita, meteu a cabeça na bola e quase fez o segundo. Coube a Abner abrir a vantagem no marcador. Nikão acertou um passe de almanaque, o lateral desviou de cabeça e começou a trilhar o caminho da equipe para as oitavas de final.

Em seguida, Richard recebeu, invadiu a área e bateu cruzado, mas Lara espalmou para escanteio. Um minuto depois, Nikão aproveitou sobra da defesa do Aucas e mandou chute forte, que rendeu mais um tiro de canto.

Segundo tempo começando com susto para os brasileiros

Com menos de um minuto, O Furacão cometeu erro na saída de bola, o ataque do Aucas roubou e obrigou o goleiro Santos a fazer duas defesas seguidas. Posteriormente, Herrera cobrou escanteio bem fechado, Santos tirou a bola para novo escanteio, por pouco o Aucas não marcou um tento olímpico.

O Athletico diminuiu seu ritmo na segunda etapa e foi chamando o adversário para seu campo, para buscar os contra-ataques. Em contrapartida, o Aucas ficou rondando a bola em volta da área atleticana, mas sem grandes perigos.

Construção da goleada

Aos 21', Vitinho recebeu na esquerda, girou bonito, avançou e mandou um chute forte, sem chances para o goleiro, marcando o terceiro gol.

As equipes começaram a fazer alterações e o jogo esfriou. Porém, Mina (um dos entraram) chegou muito bem pela esquerda e bateu. A bola foi na trave e ainda sobrou para o próprio camisa 30, mas acabou cruzando para ninguém. Na sequência, Jadson iniciou a jogada, triangulou com Babi e Carlos Eduardo, que marcou, mas o gol foi invalidado. Para fechar, Carlos Eduardo carregou a bola até a entrada da área e fuzilou as redes para sacramentar a goleada atleticana.

Com o 1º lugar do Grupo D e 15 pontos conquistados, o Athletico Paranaense está nas oitavas de final da Copa Sul-Americana 2021.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO 4 X 0 AUCAS
Local: Arena da Baixada, Curitiba
Data/Horário: 27 de maio de 2021 (quinta-feira), às 21h30
Árbitro: Andres Merlos (Argentina)
Assistente 1: Daiana Milone (Argentina)
Assistente 2: Mariana de Almeida (Argentina)
Quarto Árbitro: Nicolas Lamolina (Argentina)
Árbitro de vídeo: Pablo Silva (Argentina)
Gols: Christian (25'/1T), Abner (36'/1T) e Vitinho (21'/2T) Carlos Eduardo (46'/2T)
Cartões amarelos: Richard, Christian e Nikão (Athletico), Vega, Batioja (Aucas)
ATHLETICO: Santos; Khellven, Pedro Henrique, José Ivaldo e Abner (Nicolas 25'/2T); Richard (Fernando Canesin 34'/2T), Lucho (Christian 3'/1T) e Jadson; Nikão, Vitinho (25'/2T Matheus Babi) e Kayzer (25'/2T Carlos Eduardo). Técnico: António Oliveira.
AUCAS: Lara; Jonathan González, Carabalí (Mina 27'/2T), Carlos Medina e Mejía; Vega, Clavijo (Ronald Briones 27'/2T) e Herrera; Nnachi (Alex Carrera 27'/2T), Ordoñez (Carrillo 31'/2T) e Batioja. Técnico: Héctor Bidoglio.
 

Últimas