Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Murray salva 5 match-points e alcança sua 5ª final em Doha

Britânico busca seu primeiro título em três anos e meio

Lance|

Lance
Lance Lance

A sorte do dia é o número cinco para Andy Murray. O britânico ex-número 1 do mundo e atual 70º colocado se garantiu na decisão do ATP 250 de Doha, no Qatar, evento no piso duro com premiação de US$ 1,37 milhão.

Murray derrotou o tcheco Jiri Lehecka, 52º colocado, por 2 sets a 1 com parciais de 6/0 3/6 7/6 (8/6) após 2h29min de duração.

Andy salvou cinco match-points na partida onde o rival chegou a sacar para a vitória. É a segunda vez na semana que o dono de três títulos de Grand Slam salva match-points para avançar. Ele havia salvo três na estreia do torneio.

Ele vai disputar sua quinta final no torneio em que foi campeão em 2008 e 2009 e vice em 2007 e 2017.

Murray vai tentar seu primeiro título em três anos e meio, desde outubro de 2019 na Antuérpia, na Bélgica. Ele foi vice em Stuttgart, na Alemanha, e Sydney, na Austrália.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.