Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Melhor ataque e artilharia: veja marcas que o Palmeiras busca no Paulistão

Verdão pode se tornar bicampeão estadual neste domingo, mas também quer alcançar outras metas no Allianz Parque, em São Paulo

Lance

Lance|Do R7

Enquanto Veiga já é o maior assistente, Rony deseja a artilharia
Enquanto Veiga já é o maior assistente, Rony deseja a artilharia Enquanto Veiga já é o maior assistente, Rony deseja a artilharia

O Palmeiras vai em busca do bicampeonato do Paulistão diante do Água Santa, neste domingo (09), às 16h, no Allianz Parque. Porém, além do título, o Verdão deseja conquistar outras marcas no Campeonato Paulista.

Como foi derrotado na ida por 2 a 1, o Alviverde precisa vencer por um gol de diferença para levar a disputa para os pênaltis ou por dois para se consagrar bicampeão estadual evitando as penalidades. O Água Santa tem a vantagem do empate.

Uma das marcas que o Palmeiras ainda busca conquistar é a de melhor ataque do torneio. O Verdão anotou, até o momento, 21 gols, estando atrás do São Paulo (23) e do São Bernardo (22), ou seja, precisa somar mais dois para igualar o Tricolor, ou três para se isolar como a equipe com mais gols na competição.

Além disso, o atacante Rony pode se tornar o artilheiro do Paulistão. O camisa 10 tem seis gols, junto com John Kennedy (Ferroviária), e quer ultrapassar o adversário Bruno Mezenga (Água Santa), que tem sete, e se igualar aos atuais artilheiros Galoppo (São Paulo) e Róger Guedes (Corinthians), com oito cada. Caso Rony balance a rede três vezes, se tornará o artilheiro isolado.

Publicidade

O meia Raphael Veiga já é o líder de assistências da competição ao lado de Hurtado (Bragantino), com cinco. Isso significa que o camisa 23 precisa apenas de um passe para gol para se isolar como o maior assistente do Paulistão.

Diante do Água Santa neste domingo (09), o Palmeiras quer se manter como a equipe que menos sofreu gols no estadual. Com apenas sete sofridos, o Verdão pode tomar até três gols que ainda terá a melhor defesa do torneio, já que São Paulo e São Bernardo sofreram dez. O Alviverde só perderá o posto caso o time de Diadema marque quatro vezes.

Publicidade

A equipe comandada pelo técnico Abel Ferreira também é a que menos perdeu no Paulistão. A única derrota foi justamente na partida de ida da final, diante do Água Santa, na Arena Barueri, no último domingo (02).

O Palmeiras já é o time com mais vitórias na competição, com dez, e mesmo se for derrotado novamente pela equipe de Diadema, não poderá ser alcançado, já que o Netuno, segundo com mais triunfos, venceu oito vezes e só pode chegar a nove.

" gallery_id="642b5674c012ad5823000a3d" url_iframe_gallery=""]

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.