Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Medvedev exalta Djokovic e equipe: 'Vocês são maravilhosos'

Durante cerimônia de entega do troféu, russo se emocionou ao falar da derrota

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Daniil Medvedev bate backhand na grande final do US Open

Durante a cerimônia de engtrega dos troféus de simples masculino do US Open 2023, o russo Daniil Medvedev, vice-campeão, exaltou a seu algoz, o sérvio Novak Djokovic e sua equipe, liderada pelo croata Goran Ivanisevic, que chegou ao 24º Slam.

Medvedev iniciou: “Antes de tudo quero perguntar a Novak: ‘O que você continua fazendo aqui?”, brincou e seguiu : “Brincadeiras a parte, esta é nossa terceira final, acho que não será a última porque você provavelmente estará em muitas outras. Eu não sei quando você vai querer baixar a guarda, mas parabéns a você e sua equipe. 24 títulos, nossa. Eu não acho que tenho uma carreira ruim, tenho 20 títulos e você tem 24 Slams. Incrível. Parabéns, a você e seu time, vocês são maravilhosos”.

Acho incrível ter vencido Novak na final do Grand Slam. Neste ponto, eu diria que este é o ápice da minha carreira, ao mesmo tempo, se ele e o Rafa (Nadal) não existissem... bom, isso não seria possível. Eu joguei 5 finais contra eles e ganhei apenas uma. Eu não sei se isso é bom ou ruim, mas ele me incentiva a ser melhor”.

O russo ainda recordou a mesma história que contou na cerimônia de entrega do troféu do Australian Open esse ano: “Vou dizer novamente, porque é uma cidade diferente com pessoas diferentes. Quando nós nos conhecemos quando eu era, tipo, 500 e tanto do mundo. Ele [Djokovic] foi super gentil comigo. Ele me tratou como uma pessoa normal e eu pensei: ‘Nossa!”. Ele ainda faz isso. Nada mudou. 24 Grand Slams e tudo, nada mudou. Eu acho que isso é algo ótimo a se ter de dizer sobre uma pessoa.”

Daniil Medvedev também contou que hoje, 10 de setembro é seu anivesário de relacionamento com a mulher, Daria, e que há dois anos coincidiu da final em que venceu Djokovic no US Open ser na mesma data: "Pensei que seria im incrivel presente, mas não deu", disse com a voz embargada.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.